Cidadeverde.com
Esporte

CBF: Clubes não pagarão taxas de registros e transferências de jogadores

Imprimir

A CBF tomou mais uma decisão motivada pela paralisação do futebol em todo o país para cumprimento das determinações das autoridades relacionadadas ao coronavírus. A entidade anunciou que os clubes ficam isentos do pagamento das taxas que eram cobradas para registros e transferências de jogadores. 

Foto: Reprodução / CBF

A medida vale para contratos definitivos, contratos de empréstimos, de renovação, prorrogação ou rescisão contratual, além das transferências de atletas. A decisão já entrou em vigor e por tempo indeterminado.

No Estado do Piauí, River e Altos serão os mais beneficiados. Os dois clubes certamente vão fazer alterações nos seus elencos de profissionais para a disputa da Série D do Campeonato Brasileiro. Os demais clubes poderão ficar isentos das taxas de possíveis rescisões de contratos dos seus atuais jogadores.

Uma semana antes a CBF havia anunciado auxílio financeiro para os 479 árbitros do quadro nacional, através da antecipação de uma taxa de arbitragem, calculada a partir do maior valor pago para as respectivas categorias.

CBF TEM NOVO DIRETOR

O jornalista Eduardo Zebini é o novo Diretor de Mídia da CBF. A área recentemente criada estará focada na gestão de direitos esportivos e na otimização da distribuição dos conteúdo gerados a partir de produtos desenvolvimento pela CBF. Zebini é jornalista de formação e com larga experiência em veículos da mídia nacional e internacional.

A VOLTA DO FUTEBOL

A CBF ainda não se pronunciou sobre datas possíveis para a volta do futebol e como vai fazer para cumprir o calendário aprovado para a temporada de 2020.

Qualquer decisão somente será tomada após a liberação das autoridades da saúde pública. As competições que foram paralisadas são Copa do Nordeste, Copa Verde, Copa do Brasil e os campeonatos estaduais.

Dídimo de Castro 
[email protected]

Tags: CBFfutebol
Imprimir