Cidadeverde.com
Geral

Hospital da Ufpi completa 20 anos e tem impasse

Imprimir
As obras de reforma e ampliação no Hospital Universitário da Universidade Federal do Piauí (UFPI) mais uma vez podem atrasar. No último dia 31 de janeiro, o hospital completou 20 anos com obras inacabadas. Desta vez, o novo cronograma previsto para ser executado em um ano, pode novamente ser atrasado, caso um setor não seja transferido nos próximos 30 dias.  

Uma liminar da justiça, impetrada pelo Ministério Público Federal,  interditou obras no setor de laboratório, de exames de videocolposcopia e uma parte administrativa, que atende doenças crônicas no aparelho intestinal, e os serviços não podem ser paralisados por conta das obras.
 
A UFPI já preparou um prédio para transferir o departamento, mas o impasse ocorre porque no mesmo prédio funciona o setor de hanseníase da Fundação Municipal de Saúde (FMS).

Os médicos da UFPI estão relutando em dividir o espaço por conta da baixa imunidade de seus pacientes. Segundo o diretor de projetos de fiscalização de obras, Marco Antônio Mastrângelo essa parte interditada por conta da liminar corresponde a 15% da obra do HU e se em 30 dias não for retirado para que haja a reforma haverá um atraso no cronograma.
 
“Esses 15% são importantes porque ele será todo modificado, inclusive a parte de laboratório clínico e se não tivermos a liberação em 30 dias o cronograma que estamos executando dentro do esperado, pode ser alterado. Por isso essa transferência precisa ser feita logo”, argumentou Marco Antônio.

O reitor Luis Júnior falou que já solicitou a justiça para que esse impasse seja resolvido o quanto antes e não prejudique o cronograma das obras porque ele deseja inaugurar no final do ano com o HU funcionando.
 
Visitando obras
Hoje, Luis Júnior visitou obras do Hospital Universitário e anunciou a liberação do Ministério da Educação de R$ 7 milhões para a compra de equipamentos para o hospital.

Segundo ele, as licitações estão ocorrendo paralelas às obras para que assim que a parte física seja concluída os equipamentos sejam instalados. Outros R$ 16 milhões serão adquiridos através de emendas de bancadas federais.


 
Flash de Caroline Oliveira (direto do Hospital Universitário)
Redação de Conceição Santos
Fotos de Caroline Oliveira
[email protected]
Tags:
Imprimir