Cidadeverde.com
Política

Depois de 20 anos, servidores recebem salário dentro do mês

Imprimir

Após mais de 20 anos, o Governo do Estado conseguiu pagar o funcionalismo público estadual conforme a lei determina: até o quinto dia útil do mês subseqüente.

Mas para que o feito fosse possível, o Estado teve que acertar uma equação bem complexa: aumentar a sua receita e diminuir os gastos. No meio do processo, foram feitos inúmeros investimentos na modernização dos sistemas da Secretaria de Fazenda, na capacitação e qualificação dos servidores com o objetivo de facilitar a vida dos contribuintes, que passou a contar com uma secretaria mais ágil e menos burocrática.

E finalmente, no primeiro mês de 2009, os servidores receberam a grata e merecida notícia de que seus salários, daqui pra frente, serão pagos até o quinto dia útil.

De acordo com Philipe Salha, presidente do Sindicato dos Auditores Fiscais do Piauí, “a antecipação da tabela de pagamento, em 2009, é uma das maiores conquistas dos servidores públicos do Estado. Porque isso, em primeiro lugar, nos dá a certeza de que podemos nos planejar. Depois, para quem já tinha se planejado em cima da tabela de 2008, fica uma folga no fluxo de caixa de pelo menos sete dias. Para nós (auditores), foi uma antecipação de pelo menos uma semana”, comemora.

Nos corredores da Secretaria de Educação, a professora aposentada Rosa Pinto riu ao lembrar da última vez que recebeu o salário ‘dentro do mês’. “Faz pelo menos 20 anos que isso não acontecia! Foi maravilhosa essa medida!”.

E na mesma Secretaria de Educação, que já foi palco que tantas reivindicações, o presidente da Associação dos servidores da SEDUC se rendeu ao sentimento de conquista dos demais trabalhadores estaduais. Para ele “representou muito, porque as pessoas já têm como se programar. Também foi muito bom ter o salário pago dentro do mês, excelente ver esse tempo reduzido”, afirmou Benedito Rogeri Guardia.

Na Secretaria de Fazenda, um servidor, com mais de 40 anos de serviço público, recordou os tempos difíceis e comemorou as últimas conquistas.“Foi bom demais! O governo mostra que tem preocupação com o servidor. Primeiro, fez o plano de cargos e salários. Agora, a tabela de pagamento dentro do mês. Antes a gente não tinha como se planejar, o pagamento era feito por secretaria e a Fazenda era a última a ser paga. Agora mudou”, disse Aristeu Gonçalves.
 
 

[email protected]

Tags:
Imprimir