Cidadeverde.com
Geral

Piauiense morre após ser baleado durante assalto em São Paulo

Imprimir

Foto: Reprodução/Facebook

O autônomo  piauiense Gilberto Ferreira de Sousa, de 47 anos, morreu na noite deste domingo (01) após complicações causadas por disparos de arma de fogo. Ele foi atingido na noite do último sábado (31), quando estava em um bar no bairro Perus, zona norte de São Paulo. 

Gilberto, que era natural de Manoel Emídio, chegou a ser hospitalizado, mas não resistiu aos ferimentos e morreu antes de passar por uma cirurgia. 

De acordo com familiares, o piauiense foi atingido no braço, mas a bala atravessou e acabou atingido também o pulmão. 

O crime foi registrado por câmeras de segurança e está sendo tratado como latrocínio.  De acordo com a Polícia, testemunhas disseram que dois homens chegaram ao bar armados, fecharam as portas e anunciaram o assalto. Uma das vítimas que estava sentada teria se assustado com a movimentação, o que fez com que os criminosos pensassem que se tratava de uma reação a abordagem. 

Além do piauiense Gilberto, o outro homem que foi atingido pelos disparos morreu no local. 

O irmão de Gilberto Ferreira, Altamiro Ferreira informou que familiares preparam o traslado do corpo para o Piauí. O sepultamento, que ainda não foi marcado, deve acontecer no município de Manoel Emídio. 

"É uma notícia muito triste, que ninguém estava esperando. Era uma pessoa muito querida por todos, aqui no Piauí e lá onde ele morava", disse Altamiro ao cidadeverde.com. 

 

Natanael Souza
[email protected] 

Imprimir