Cidadeverde.com
Geral

Covid-19: PI registra 11 óbitos e quatro vítimas não possuíam comorbidades

Imprimir

Foto: Roberta Aline


O Estado do Piauí registrou 633 novos casos e total de 11 óbitos pela Covid-19. Os dados foram divulgados pela Secretária de Estado da Saúde (Sesapi) na noite desta segunda-feira (22). 

Dos 633 casos confirmados da doença, 358 são mulheres e 275 são homens, com idades que variam de um a 90 anos. Três mulheres e oito homens não resistiram às complicações da Covid-19. Quatro das onze vítimas não possuíam comorbidades.

Duas mulheres naturais de ; Piripiri (28 e 86 anos) 
Uma mulher de; Uruçuí (94 anos)
Um homem natural de: Antônio Almeida (81 anos)
Um homem nascido em; Matias Olímpio (73 anos)
Um homem natural de; Piracuruca (90 anos)
Um homem nascido em; São Raimundo Nonato (81 anos)
Três homens de; Teresina (43,47 e 88 anos) 
Um homem da cidade de; Valença do Piauí (56 anos)
 

Os casos confirmados no estado somam 170.355 distribuídos em todos os municípios piauienses. Os óbitos pelo novo coronavírus chegam a 3.260 e foram registrados em 208 municípios. Ao total o coronavírus vitimou: 1.909 homens e 1.351 mulheres. 

Dos leitos existentes na rede de saúde do Piauí para atendimento à Covid-19, há 610 ocupados, sendo 366 leitos clínicos, 227 UTIs e 17 em leitos de estabilização. As altas acumuladas somam 9.655 até o dia 22 de fevereiro de 2021.

A Sesapi estima que 166.485 pessoas já estão recuperadas ou seguem em acompanhamento médico. 

 

 

 

Campanha de vacinação 

O vacinômetro, ferramenta utilizada pelo Governo do Piauí para acompanhar a evolução da campanha de vacinação contra a Covid-19, aponta que 65.149 pessoas já receberam a primeira dose de vacina no estado e 5.842 a segunda dose do imunizante.

O Painel de Monitoramento da Vacinação contra a Covid-19 pode ser acessado através do site www.saude.pi.gov.br. Os dados são atualizados a cada 15 minutos a partir da inserção de registros no sistema de informação da campanha pelos estabelecimentos de saúde. 

 

 

Pâmella Maranhão (com informações da Sesapi)
[email protected]

Imprimir