Cidadeverde.com
Últimas

Secretário diz que há convergência entre maioria dos estados para lockdown

Imprimir

O secretário de governo do Piauí, Osmar Junior, afirmou nesta terça-feira (2) que se o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) não sinalizar sobre um possível fechamento das atividades em âmbito nacional, há convergência para que a maioria dos governadores decida pela medida em conjunto. 

“Eu acredito que haverá uma convergência da maioria dos governos estaduais. Eu não posso falar de todos, mas como parâmetro, 19 dos 27 governadores assinaram uma nota com tendência de convergência”, afirmou o secretário em entrevista à TV Cidade Verde.

Segundo ele, o momento não é do presidente gerar crises entre os estados. “Essa é a proposta (fechamento) feita e caberia ao presidente da República nesse momento. Ao invés de gerar crises, como está acontecendo infelizmente, de noticiar fatos inexistentes, ele deveria está convocando governadores, prefeitos no sentido de estabelecer um plano emergencial para conter essa grave crise, esta onda perigosa, que já matou mais de 250 mil pessoas e pode matar muito mais”, declarou.

Osmar Junior chama atenção para o alto nível de transmissão no país. “O Brasil é um país muito integrado. É importante as pessoas estarem atentas. Enquanto se mantiver o ritmo de contato elevado no Brasil, dificilmente se conseguirá conter esta onda sem que ela provoque”, disse.

Foto: Roberta Aline

Piauí

Sobre novas medidas restritivas no estado, Osmar Junior afirmou que o assunto está sendo avaliado. “Nós vamos receber no final da tarde um relatório do COE onde ele faz um balanço da evolução dos casos e internações. A partir daí é que serão sugeridas as medidas. Eu adianto que há uma convergência dos governos estaduais e secretários de saúde no sentido de que nós precisamos de medidas de caráter nacional”, finalizou.

Hérlon Moraes
[email protected]

Imprimir