Cidadeverde.com
Geral

Coronavírus matou um piauiense por hora em março, o pior mês da pandemia

Imprimir

O mês de março de 2021 bateu todos os recordes desde o início da pandemia no Piauí, tanto em óbitos como em número de casos da covid-19. Foram registradas 791 mortes, uma média de 25 por dia. Isso significa que a cada uma hora, um piauiense perdeu a vida por causa do novo coronavírus.

O número de casos da covid-19 em março, 32.623, superou os 30.399 registrados em julho do ano passado, até então o período de contaminação mais crítico no estado.  

Março registrou ainda o primeiro colapso na saúde desde o início da pandemia. O mês terminou com apenas um leito de UTI vago no interior, no território Vale do Canindé em Oeiras. Nos demais não há vagas. O levantamento foi feito por pesquisadores da Universidade Federal do Piauí (UFPI) e Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

Situação geral de casos

Os casos confirmados no estado somam 206.631 distribuídos em todos os municípios piauienses. Já os óbitos pelo novo coronavírus chegam a 4.141 e foram registrados em 218 municípios. Do total, 2.387 homens e 1.755 mulheres não resistiram a Covid-19.

A Sesapi estima que 201.166 pessoas já estão recuperadas ou seguem em acompanhamento (casos registradas nos últimos 14 dias) que não necessitaram de internação ou evoluíram para morte.

Vacinação

Até o momento, 317.802 doses de vacinas contra a covid foram aplicadas no estado, sendo 265.550 a 1ª dose e 51.877 a 2ª dose. O percentual de cobertura no Piauí é de 5,09%.

Hérlon Moraes
[email protected]

Imprimir