Cidadeverde.com
Geral

Teresina vacina por agendamento nesta segunda e prevê drives nos próximos dias

Imprimir

Atualizada às 10h50

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) vacina contra a Covid-19, nesta segunda-feira (28), somente por agendamento. O presidente da FMS, Gilberto Albuquerque, acrescenta que Teresina não está com drives de vacinação, que permite mais pessoas serem vacinadas em um único dia, devido a pouca quantidade de doses recebidas do Ministério da Saúde. O gestor acredita que nos próximos dias poderá haver drive, caso receba uma quantidade expressiva de imunizantes. 

Além disso, o gestor comenta que a quantidade de vacina Janssen que chegaram a Teresina é considerada pequena e, por isso, ainda não está sendo aplicada porque o total recebido, até o momento, não permite fazer nenhum grupo específico. 

“Quando as vacinas vêm. Pega-se um grupo de pessoas que tenha mais ou menos o número de doses que a gente recebeu. Um mil doses não dão pra fazer nada praticamente”. 

A FMS também aguarda mais doses e as determinações do Ministério da Saúde para antecipar a segunda dose da AstraZeneca. “Nossa expectativa é que essa semana a gente receba uma quantidade de doses maior e que permita fazer a vacinação em drive porque, por enquanto, a dose só dá pra fazer em ponto físico. Em dois dias a gente faz 11 mil doses”, acrescenta. 

“Nós trabalhamos assim: na medida que recebemos vacina, a gente monta as equipes. Quando nós temos até 5 mil doses por dia, nós aplicamos somente nos pontos físicos porque nos drives, a capacidade deles, é de 12.500 doses/dia. Como nós temos uma quantidade pequena de doses disponíveis, estamos administrando nessas salas físicas”, diz.
 

SEGUNDA DOSE 

 A Prefeitura de Teresina abre mais uma vez o agendamento para vacinação contra a covid-19. Desta vez, serão contemplados os idosos e trabalhadores da saúde que precisam tomar a segunda dose. Não haverá antecipação de vacinação, as pessoas devem seguir a data marcada no cartão de vacina. 

Fonte: FMS



Vacinação

Nesta segunda (28), a FMS deve aplicar por agendamento a vacina nas pessoas com faixa etária de 48 anos ou mais (sem comorbidade), caminhoneiros, trabalhadores de transporte metroviário, trabalhadores da indústria e construção civil.

 

Problemas na marcação 

O presidente da FMS explica que o sistema de vacinação contra Covid possui um espaço de justificativa para eventuais problemas enfrentados pela pessoa. Só quem pode alterar os dados é o Ministério da Saúde. Caso a pessoa não localize no sistema a aba, ela pode entrar em contato com o setor de vacina da FMS.

 

Carlienne Carpaso
[email protected] 

Imprimir