Cidadeverde.com
Esporte

Caiçara fala em usar ‘pratas da casa’ e peso do rival Comercial na 2ª divisão do Piauiense

Imprimir

Foto: Roberta Aline

De forma tímida as equipes que irão disputar a Série B do Piauiense começam a se movimentar pensando na competição. Após quatro anos, o Caiçara volta a disputar uma competição Estadual e terá também o arquirrival da cidade de Campo Maior, Comercial no torneio o que promete uma rivalidade a mais dentro de campo. As duas equipes ao lado dos outros quatro participantes – Oeirense, Timon, Piauí e Cori-Sabbá irão brigar por duas vagas até a Série A em 2022. A Segunda divisão está prevista para iniciar no dia 28 de agosto. 

“Nós estamos aguardando um retorno com relação a valores da prefeitura, pois com essa questão da pandemia e sem publico do estádio é preciso buscar outras formas para arrecadar. Ainda não temos comissão técnica nem atletas, mas a intenção é apostar nas pratas da casa e atletas da região. Teremos as duas forças de Campo Maior em campo e brigando por um retorno a elite e isso com certeza trará um algo a mais para competição”, disse o presidente do Caiçara Francisco Ispo. 

A intenção do Caiçara é anunciar seu técnico e comissão somente na próxima quarta-feira (21) e a reapresentação,  no caso, início das atividades está prevista para o dia 5 de agosto já no mês de iniciar a competição que tem data para 1ª rodada de 28 de agosto. 

A equipe do Caiçara disputou uma competição local pela última vez em 2017, retorna esse ano e o fato do Comercial também está na competição trás boa rivalidade e força ao município de Campo Maior no futebol.

“Teremos os dois times e isso pode trazer as atenções novamente ao futebol de Campo Maior, eu acho que isso é possível. Acredito que com certeza teremos oportunidade de subir pelo menos um dos dois times ou quem sabe até os dois, né? Tem muitas equipes que as vezes se apresentam fortes, mas na hora da competição não correspondem”, acrescentou o presidente do Caiçara, Ispo. 

Com seis clubes, número bem superior aos últimos anos que tiveram três ou quatro equipes na disputa da competição o presidente do clube do interior sabe que encontrar uma competição de nível bem maior, porém acredita que a tradição do Caiçara pode fazer diferença. “Com toda certeza teremos uma competição bem mais disputada e difícil, porém o Caiçara está acostumado a viver isso dentro do futebol, além de estar com ‘sede’ de voltar a campo”, finalizou. 

O Campeonato Piauiense Série B te inicio previsto para o dia 28 de agosto, tabela e regulamento ainda serão divulgados. 

 

 

Pâmella Maranhão 
[email protected]

Imprimir