Cidadeverde.com
Política

Rafael Fonteles vai à Câmara e anuncia R$ 400 milhões do Pró- Piauí para Teresina

Imprimir
  • RAFAEL_FONTELES_VISITA_CMT_(1).jpg Ascom/Rafael Fonteles
  • RAFAEL_FONTELES_VISITA_CMT_(2).jpg Ascom/Rafael Fonteles
  • RAFAEL_FONTELES_VISITA_CMT_(3).jpg Ascom/Rafael Fonteles
  • RAFAEL_FONTELES_VISITA_CMT_(4).jpg Ascom/Rafael Fonteles
  • RAFAEL_FONTELES_VISITA_CMT_(5).jpg Ascom/Rafael Fonteles

 

O Secretário de Fazenda e coordenador do Pró-Piauí, Rafael Fonteles (PT), esteve na Câmara Municipal de Teresina na manhã desta quinta-feira (28) para um café da manhã com os parlamentares da Casa. 

Durante o encontro, que contou com 20 dos 29 vereadores, ele anunciou que o governo deve investir R$ 400 milhões em Teresina, através do Pró-Piauí, e que os parlamentares poderão apresentar projetos para a utilização do recurso. 

Em entrevista à imprensa, o secretário de Fazenda evitou falar de questões políticas e ressaltou que o objetivo da visita foi o de receber para o Pró-Piauí demandas dos parlamentares da capital. 

“A questão política e eleitoral fica para 2022. Temos que respeitar o calendário eleitoral. Como já disse várias vezes, meu nome está à disposição do governador Wellington Dias, mas a prioridade aqui é a aproximação com vereadores para discutir as demandas da cidade de Teresina”, pontuou. 

Jeová Alencar, que reuniu a Casa para o café da manhã, falou sobre promover a união entre o legislativo municipal e os poderes Executivos. 

“Esse ano é de muita união entre o Executivo Municipal e Legislativo Municipal e Executivo Estadual, para trabalhar pelas pessoas. Questão eleitoral tratamos no próximo ano. Esquecer cores partidárias, ideologia partidária. Ter só uma ideologia, que é trabalhar pelo povo”, pontuou. 

Interlocutores petistas garantem ter o apoio firmado de pelo menos 22 vereadores da Câmara. O vereador Dudu Borges (PT) confirmou o entendimento e afirmou que o grupo espera contar com o apoio da maior parte do Legislativo Municipal em 2022. 

“Eu não tenho dúvida que o Rafael tenha a simpatia de mais de 22 vereadores. Isso mostra que ele tem o reconhecimento pelo que ele faz, representa e pode representar lá na frente”, destacou. 

Foto: Ascom/CMT

O encontro contou com a presença da maior parte dos vereadores de Teresina. Dentre eles, chamou atenção  de Evandro Hidd (PDT), até então ligado ao PSDB, que também possui um pré-candidato, o tucano Silvio Mendes. 

Na reunião, os vereadores ligados ao grupo de oposição não compareceram. Dentre eles, toda a bancada tucana, com exceção do vereador Venâncio Cardoso (PSDB), além de outros parlamentares, como Luís André (PSL) e Alan Brandão (PDT). 

O vereador Édson Melo (PSDB), membro da oposição e que não participou, pontuou à imprensa que esse é um movimento natural em período de pré-campanha e que Silvio Mendes também poderá fazer uma visita à Câmara em breve. 

 


Flash Paula Sampaio
[email protected] 

Imprimir