Cidadeverde.com
Geral

HUT volta a ter leitos exclusivos para Covid-19 após explosão de casos em Teresina

Imprimir

Foto: Arquivo Cidadeverde.com 

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) determinou, nesta quarta-feira (26), a implantação de 15 leitos de UTI Covid no Hospital de Urgência de Teresina (HUT). A reorganização da rede municipal hospitalar se deve após o aumento crescente de casos de Covid em Teresina.

Além disso, é importante frisar que o HUT é um hospital de urgência, não Covid. Os leitos criados neste momento são para pacientes que estão tratando outras patologias e que, por ventura, estejam positivo para Covid. 

Ao Cidadeverde.com, a assessoria do HUT relembrou que durante o pico da pandemia em 2021 o HUT isolou várias áreas para atendimento apenas de síndromes respiratórias graves. 

A rede municipal de saúde está trabalhando com dois hospitais exclusivos para Covid: (Miguel Couto, no bairro Monte Castelo e o Mariano Castelo Branco, no bairro Santa Maria da Codipi. 

No Monte Castelo são 20 leitos para UTI e 33 para internações clínicas. Já no Hospital da Santa Maria da Codipi todos os leitos são clínicos e o HUT até o momento dispõe de 15 leitos de UTI para Covid.

Com a ampliação dos leitos, Teresina passa a ter um total de 101 leitos Covid (UTI e clínicos) oferecidos pela FMS. Do total, 84 leitos são para internações exclusivas de Covid-19, 20 leitos de UTI e 64 clínicos.

“Nesse momento essa reorganização se faz necessária, e tão logo os números de internação por essa causa comece a reduzir, o Hospital Mariano Castelo Branco voltará a funcionar dentro da sua vocação”, esclarece Fátima Garcêz.

Nataniel Lima (Com informações da FMS)
[email protected] 

Imprimir