Cidadeverde.com
Política

Em documento, PT oficializa chapa Rafael Fonteles, Wellington Dias e Lula

Imprimir

Foto: Roberta Aline

O Diretório Estadual do PT encaminhou as executivas municipais a resolução em que aprovou o nome de Rafael Fonteles, como pré-candidato ao governo do estado, em que terá também o governador Wellington Dias (PT) como candidato ao Senado nas eleições deste ano. Na primeira resolução do ano de 2022, o PT oficializa também total apoio a candidatura de Lula à Presidência da República.

No documento que o Cidadeverde.com teve acesso, o Diretório, que é instância máxima do partido, autoriza as lideranças a negociaram sobre a federação e os partidos aliados que irão compor a chapa majoritária.

O governador Wellington Dias já anunciou que irá se desincontabilizar do cargo no dia 31 de março. O secretário de Fazenda Rafael Fonteles também sairá no mesmo dia. O lançamento da pré-candidato do PT ao governo deverá acontecer no dia 2 ou 3 de abril.  

No documento, as lideranças petistas relatam que vê como “natural o surgimento e a consolidação do nome de Rafael Fonteles como pré-candidato a governador do Piauí na sucessão do governador Wellington Dias”. 

De acordo com a resolução, os petistas afirmam que “há uma grande unidade no seio do PT e no seio da base aliada do governo” para o nome de Rafael Fonteles que será oficializado em convenção em julho ou agosto de 2022.

Sobre a federação, em que o PT negocia com PSB, PC do B e PV, o Diretório “autoriza a sua direção executiva a negociar e discutir com partidos da base aliada a sua formalização, a composição de uma chapa majoritária e proporcional que resguardem os interesses programáticos do PT”.

Veja documento aqui

Flash Yala Sena
[email protected]

Imprimir