Cidadeverde.com
Geral

Curso vai aprimorar investigação criminal de policiais no Piauí

Imprimir

A Embaixada da França no Brasil iniciou nesta segunda-feira (16), o curso Técnicas e Metodologia da investigação criminal para 25 policiais civis do estado. O curso vai até 19 de maio, com carga horária de 32 horas/aula.

"Essa parceria vem desde 2018 com a Embaixada Francesa. Precisamos verificar o que outros países estão realizando ou capacitando seus policiais. Nós sabemos das dificuldades que estamos enfrentando no Piauí. Então é preciso qualificar esses policiais", disse o  o secretário de Segurança, Coronel Rubens Pereira.

Para o Coordenador do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa, Delegado Francisco Baretta, o curso é fruto de uma visita técnica realizada na França. "Agora a gente conseguiu esse treinamento. São 25 policiais que serão multiplicadores e 3 peritos criminais. Vamos ter prática de local de crime para que possamos chegar a um local de crime, que é a verdadeira investigação preliminar, e de lá sair com elementos de convicção e de circunstâncias e da dinâmica de como o crime aconteceu.

O curso é ministrado pela instrutora Comandante Veronique Fierd Bavoux, tendo como intérprete, o policial civil do Estado do Paraná, Thiago Luiz Bello da Silva.

“A França tem sempre vontade de apresentar suas técnicas modernas. A nossa vontade é compartilhar o nosso saber nessa questão de homicídios, mas também em outras áreas da segurança pública”, disse o Adido de Polícia Adjunto da Embaixada da França no Brasil, Comandante Serge Giordano.

Da Redação
[email protected]

Imprimir