Cidadeverde.com
Esporte

'Em casa', Verstappen lidera 1º treino do GP da Áustria de F-1

Imprimir

Praticamente correndo em casa, o holandês Max Verstappen foi o mais rápido do primeiro treino livre do GP da Áustria de Fórmula 1, nesta sexta-feira.

O líder do campeonato contou com o apoio maciço da torcida no Red Bull Ring, o circuito da Red Bull, sua equipe, na pequena cidade de Spielberg.

Diante das arquibancadas marcadas pela cor laranja, Verstappen anotou 1min06s302, ficando à frente do monegasco Charles Leclerc.

O piloto da Ferrari marcou 1min06s557, enquanto o britânico George Russell, da Mercedes, ficou com o terceiro tempo: 1min06s702. Assim, três equipes diferentes dominaram as primeiras posições.

Seus companheiros de time vieram logo atrás. O mexicano Sérgio Perez, da Red Bull, foi o quarto mais veloz, com 1min06s839.

O heptacampeão mundial Lewis Hamilton chegou a ficar em terceiro ao longo da sessão, mas terminou em quinto, com 1min06s909, mostrando novamente que a Mercedes está em evolução, após as dificuldades do início do ano - o inglês esteve no pódio nas últimas duas corridas.

Vencedor do GP da Inglaterra, na semana passada, o espanhol Carlos Sainz Jr. foi apenas o sétimo colocado desta primeira sessão, com 1min07s039.

O piloto da Ferrari ficou logo atrás do dinamarquês Kevin Magnussen, da Haas, com 1min06s965. Dos sete primeiros colocados, apenas Russell estava com pneus médios. Os demais tinham compostos macios em suas voltas mais rápidas.

O Top 10 contou ainda com o espanhol Fernando Alonso, da Alpine, com 1min07s100; com o alemão Mick Schumacher, da Haas, com 1min07s246; e com o japonês Yuki Tsunoda, da AlphaTauri, com 1min07s296.

Esta primeira sessão em Spielberg se tornou mais importante do que de costume porque foi o único treino livre antes da sessão classificatória desta sexta.

Isso porque o GP da Áustria contará com o sprint race, formato em que o grid de largada da corrida de domingo é definido por uma corrida mais curta, no sábado.

Assim, ainda nesta sexta, às 12 horas (de Brasília), os pilotos vão disputar um treino classificatório para buscar as vagas no grid do sprint race. Não por acaso, Verstappen ficou mais tempo na pista do que de costume. O líder do campeonato foi o piloto que mais completou voltas, com 34 giros neste primeiro treino livre.

Apesar da importância da sessão, os pilotos enfrentaram dificuldades para seguir na pista em razão de duas bandeiras vermelhas, que paralisaram o treino por mais de 10 minutos.

A primeira aconteceu quando faltavam 39 minutos para o fim, quando o britânico Lando Norris foi orientado a sair da pista por conta de fumaça em sua McLaren.

A segunda paralisação aconteceu a 21 minutos do fim. Pedaços de borracha grudados na pista, junto à zebra, se soltaram e viraram detritos no asfalto, forçando nova bandeira vermelha.

O mais prejudicado por estas paradas foi mesmo Norris, que completou apenas 14 voltas nesta sessão inicial do GP austríaco.

No sábado, o sprint race está marcado para as 11h30. No domingo, a largada será às 10 horas.

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir