Cidadeverde.com
Geral

Mais de 1 milhão de pessoas morreram por covid no mundo em 2022, afirma OMS

Imprimir

Foto: Arquivo Cidadeverde.com 

Mais de 1 milhão de pessoas em todo o mundo morreram pelo coronavírus entre janeiro e agosto deste ano, anunciou a Organização Mundial da Saúde (OMS) nesta quinta-feira, 25. Em pronunciamento oficial, o diretor-geral Tedros Adhanom lamentou que se continue perdendo vidas para a doença, "quando temos todas as ferramentas necessárias para evitá-la".

"Não podemos dizer que estamos aprendendo com a doença diante deste trágico marco, depois de dois anos e meio", continuou Adhanom. "Mais uma vez, pedimos a todos os governos para fortalecerem os esforços na vacinação dos profissionais de saúde, idosos e demais populações de risco."

Desde que a pandemia do coronavírus foi anunciada pela OMS, mais de 6,4 milhões de pessoas morreram pela doença em todo o mundo. Para Adhanom, é imprescindível que os países mantenham os esforços para chegar a 70% da população total vacinada ao menos com uma dose do imunizante contra a covid.

Ainda segundo Adhanom, apenas dez países continuam com taxas de vacinação inferiores a 10% da população. Ele frisou, entretanto, que todas essas nações enfrentam algum tipo de crise humanitária Em relação aos novos casos, a OMS ainda apontou que houve uma diminuição de 9% nas notificações a nível mundial.

O Brasil tem hoje cerca de 84% da população total imunizada com uma dose de vacina contra a covid, enquanto pouco mais de 79% completaram o esquema vacinal primário com duas doses ou o imunIzante da Janssen, de aplicação única. Ao todo, o País já teve mais de 683 mil vítimas da doença.

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir