Cidadeverde.com
Geral

Rei Charles 3º lidera cortejo com corpo da rainha Elizabeth 2ª

Imprimir

 

 

O rei Charles desembarcou na tarde desta segunda (12) em Edimburgo, onde está o corpo da rainha Elizabeth desde a véspera. O monarca e a rainha consorte, Camilla, participam de uma procissão para levar o caixão da soberana, morta na semana passada aos 96 anos, do Palácio de Holyroodhouse até a Catedral de Saint Giles pela principal via histórica da capital escocesa, chamada de Royal Mile, ou milha real.

Os quatro filhos da rainha desfilam no cortejo -todos de uniforme exceto Andrew, que renunciou a seus títulos militares após uma derrota judicial em um caso de escândalo sexual no início deste ano. O caçula da soberana é acusado de ter tido relações com uma jovem de 17 anos, vítima de tráfico sexual por Jeffrey Epstein.

Um jovem que xingou o nobre enquanto assistia à procissão foi agredido pela multidão e em seguida detido pela polícia, aformou um jornalista da revista Holyrood no Twitter.

O público que acompanha o cortejo também poderá visitar o caixão da rainha na igreja por 24 horas a partir das 17h do horário local, segundo a BBC.

Autoridades afirmaram à rede de jornalismo britânica que os visitantes devem se inscrever em uma fila, e alertaram para o fato de que eles provavelmente ficarão de pé por várias horas.

A agenda de Charles em Edimburgo ainda inclui um encontro com a primeira-ministra escocesa, Nicola Sturgeon, na volta a Holyroodhouse, e uma visita ao Parlamento escocês, onde os políticos apresentam moção de pêsames –pela manhã, o rei fez seu primeiro discurso ao Parlamento britânico em Londres. Ao final do dia, ele e outros membros da realeza fazem uma vigília do corpo na catedral.

O corpo da rainha chegou a Escócia no final da tarde de domingo (11), marcando o início do que o Charles chamou de "última grande jornada" de Elizabeth 2ª.

O caixão de carvalho seguiu no primeiro carro de uma caravana de sete veículos e, num roteiro de 280 quilômetros, passou por cidades como Aberdeen, Dundee e Perth, além de dezenas de vilarejos. No trajeto, o cortejo fez pequenas paradas, para que mais pessoas pudessem se despedir da soberana, com o silêncio absoluto entremeado pelo som do choro de alguns e dos celulares de muitos fazendo fotos.

Em Edimburgo, uma multidão aglomerada na Royal Mile aplaudiu a chegada do corpo. O caixão estava coberto com o estandarte real, de quadro quadrantes, em sua versão escocesa -em dois deles ela traz um leão vermelho sobre fundo amarelo representando Escócia, em outro uma harpa amarela sobre fundo azul representando a Irlanda e no quarto três leões amarelos em fundo vermelho representando Inglaterra e Gales.

Sobre a bandeira, descansava uma coroa de flores brancas, cortadas dos jardins de Balmoral –incluindo ervilhas-de-cheiro, uma das preferidas da rainha.

Na chegada a Holyroodhouse, o caixão passou pelos filhos de Elizabeth: a princesa Anne, que havia acompanhado o cortejo em outro veículo, e os príncipes Edward e Andrew.

 

Fonte: Folhapress

Imprimir