Cidadeverde.com
Política

Dilma diz que se sente bem após quimioterapia feita ontem

Imprimir
Depois de se submeter na quinta-feira (14) a uma sessão de quimioterapia em São Paulo no tratamento contra um câncer linfático, a ministra Dilma Rousseff (Casa Civil) disse que não sentiu consequências físicas do efeito do tratamento. "Eu estou me sentido bem, não tenho enjoo, não tenho nenhum cansaço. A minha quimio saiu muito bem, obrigada", afirmou durante entrevista na Base Aérea de Brasília.
 

 

Dilma disse que não pretende anunciar as datas em que realizará futuras sessões de quimioterapia uma vez que vive um momento "particular" para enfrentar a doença. "Eu nunca vou antecipar quando será a quimioterapia. É um momento de tratamento, a divulgação a gente faz a posteriori. É um momento muito particular, não é trivial. Vai que eu não me sinta bem? Eu me senti ultra bem, parece que eu não fiz. Todas eu vou avisar só depois", disse.

A ministra confirmou que a sessão de quimioterapia realizada nesta quinta-feira no Hospital Sirio-Libanês, em São Paulo, foi a segunda desde que iniciou o tratamento contra o linfoma. A sessão de ontem não estava prevista na agenda divulgada pela assessoria da ministra. Oficialmente, Dilma tinha apenas despachos internos.

No dia 25 de abril, Dilma anunciou que será submetida à quimioterapia para combater um câncer linfático. Na ocasião, a ministra ressaltou que o tratamento não afetaria o ritmo de suas atividades. Segundo a ministra, não há incompatibilidade entre o tratamento e o trabalho no governo federal.

Fonte: Folha Online

 

Tags:
Imprimir