Cidadeverde.com
Esporte

CBF assume Copa do Nordeste e cotas dos clubes serão ampliadas; Altos e Flu-PI se beneficiam

Imprimir

Foto: CBF

Em reunião realizada na sede da CBF nesta sexta-feira (11) ficou definido que a partir de 2023 a Copa do Nordeste será mais uma competição organizada e chancelada pela CBF. A reunião contou com representantes dos 28 clubes que irão disputar a edição do ano que vem. Desde pré-copa até fase de grupos. 

Entre os representantes estavam nomes do futebol piauiense, caso do presidente do Altos, Warton Lacerda, o presidente da FFP, Robert Brown e também o Gerente de Futebol do Fluminense-PI, Vicente Medeiros. 

A boa noticia para os clubes é que com a entrada da CBF como gestora da competição as cotas de participação da Copa do Nordestão irão ampliar e os dois clubes piauienses serão beneficiados. No caso do Altos, a Pré-Copa terá na primeira fase valor de R$ 125 mil e conseguindo chegar até a segunda fase receberá mais R$ 156 mil. 

No caso do Fluminense, atual campeão piauiense, o time tem vaga direta na fase de grupos e por isso irá receber pela participação na Copa do Nordeste estando no pote 4 a cota de R$ 1 milhão. 
Dentro dessa linha, as cotas da Copa do Brasil também devem aumentar para temporada 2023, porém essa informação só deve ser confirmada após a Copa do Mundo. Com isso, Fluminense seria beneficiado mais uma vez com maior valor em caixa para trabalhar na temporada e também o vice-campeão Estadual, Parnahyba. 

A Copa do Nordeste começa dia 5 de janeiro com os jogos da pré-copa. Duas fases envolvendo o total de 16 clubes. Quatro deles irão se credenciar a fase de grupos. 

 

 

Pâmella Maranhão 
[email protected]

Imprimir