Cidadeverde.com
Cidades

Réu é condenado a 28 anos de prisão por matar ex-mulher com 13 facadas no Piauí

Imprimir

Foto: Arquivo/Cidadeverde.com 

O juiz Danilo Melo de Sousa, da Vara Única da Comarca de Miguel Alves, condenou o réu F.F.S. a 28 anos e um mês de reclusão pelo crime de feminicídio contra sua ex-mulher.

Segundo a denúncia, no dia 05 de janeiro de 2021, na localidade Poço Novo, zona rural de Miguel Alves, o réu matou M.S.N. com 13 golpes de faca. A investigação apontou ainda que o crime foi praticado na presença da filha da vítima, por motivo fútil e mediante recurso que tornou impossível ou difícil a defesa da mulher.

Também consta nos autos que as partes conviveram em união estável e o crime se deu pouco mais de um mês após a separação, em razão dele ter estabelecido nova relação estável com outra mulher.

Ainda de acordo com os autos, o réu pretendia continuar se relacionando com a vítima por meio de encontros casuais e, diante da negativa da ex-companheira, o agressor passou a ameaçá-la de morte.

O crime foi cometido na presença da filha do casal, a adolescente J. N. S., bem como da mãe e do irmão do réu.

Além da sanção penal, o juiz condenou o homem ao pagamento de R$ 100 mil a título de dano moral à família da vítima. O magistrado fixou o regime fechado para o início do cumprimento da pena.

 


Rebeca Lima (Com informações do TJ-PI) 
[email protected] 

 

Imprimir