Cidadeverde.com
Esporte

Messi se torna 1º a marcar em todos os jogos da fase final na Copa

Imprimir

Foto: Estãdão Conteúdo

Com o gol que abriu o placar na decisão contra a França, Lionel Messi bateu mais uma marca na história das Copas.

Desde que o Mundial passou a ser disputado com 32 seleções e a fase final formada por oitavas de final, quartas, semifinal e final, nunca um jogador havia conseguido marcar nas quatro partidas decisivas.

O camisa 10 da Argentina deixou sua marca contra a Austrália (vitória por 2 a 1), nas oitavas de final, contra a Holanda (empate em 2 a 2 e classificação nos pênaltis), nas quartas de final, contra a Croácia, na semifinal, e diante dos franceses, na decisão.

Desses 4 gols, 3 foram de pênalti -só contra a Austrália o argentino marcou com a bola rolando. O primeiro gol diante da França foi o sexto de Messi na competição, em sua Copa mais artilheira (fez 4 no Mundial de 2014, no Brasil).

Na Copa de 2002, Ronaldo também marcou 4 gols para o Brasil entre as oitavas de final e a decisão contra a Alemanha. Mas o brasileiro -que fez os 2 gols da final- passou em branco nas quartas, na vitória diante da Inglaterra por 2 a 1 (gols de Rivaldo e Ronaldinho Gaúcho).

Em 1970, Jairzinho marcou em todos os jogos do Brasil, mas naquela época o torneio tinha um número menor de equipes, e não havia a fase das oitavas de final.

No Qatar, Messi se tornou também o atleta com mais jogos na história das Copas, com 26 partidas, batendo a marca do alemão Lothar Matthäus.

Fonte: Folhapress (SANDRO MACEDO)

Imprimir