Cidadeverde.com
Picos

Empreendedora aprova novas regras do PIX

Imprimir

O sistema de pagamento instântaneo (PIX) do Banco Central apresentou novas regras em 2023. As mudanças agradaram quem utiliza o recurso para transação, como é o caso da empreendedora Paloma Alencar. Ela destaca que o aumento de limite vai favorecer o pagamento das contas na empresa.

“A gente que é empreendedor precisa de um limite maior para fazer o pagamento de fornecedores, em fim, as despesas da loja. Já me ocorreu algumas vezes de precisar naquele momento de um valor alto, transferir um valor alto ou pagar um boleto e não conseguir fazer, sendo que eu tinha o dinheiro na conta”, enfatizou a empreendedora.

No Brasil, estão cadastrados 141,6 milhões de usuários  entre pessoas físicas e jurídicas. Diariamente são realizadas 100 milhões de transações via PIX.

Novas regras

Transferir todo o limite diário de uma só vez
Os bancos não precisam mais impor limites por valor por transação individual. Os limites de valor serão mantidos apenas por período: diurno (6h às 20h) ou noturno (20h às 6h).

Pix saque e troco com limite maiores
Os limites para a retirada de dinheiro nas transações Saque e Troco foram também aumentadas.
Com isso, o saques passam a ser de R$ 500 para R$ 3000 durante o dia, e de R$ 100 para R$ 1.000 no período da noite.

Personalização dos limites do Pix
As regras para o cliente personalizar os limites do Pix não mudaram. As instituições financeiras terão de 24 a 48 horas para acatar a ampliação dos limites e deverão aceitar imediatamente os pedidos de redução. Isso já vale atualmente.

Horário noturno
O horário do limite noturno poderá ser flexível e definido pelo cliente, caso o banco ofereça esta opção. Hoje, o limite de horário é das 20h às 6h, mas se o ciente quiser, poderá começar às 22h.

 

Paula Monize

[email protected]

Imprimir