Cidadeverde.com
Política

Mainha reage a Hugo: "Não sou deputado perseguidor"

Imprimir
O presidente regional do DEM no Piauí, José Maia Filho, o Mainha, rebateu hoje as declarações do ex-governador Hugo Napoleão. Na última entrevista que Hugo deu na TV Cidade Verde, semana passada, ele fez um desabafo afirmando que não tinha espaço no partido. Mainha reagiu e disse que estava decepcionado com o ex-parlamentar.
 

 
“Eu não mentor e nem deputado perseguidor. Não vetei participação de Hugo Napoleão no programa”, afirmou.
 

 
Segundo Mainha, sua participação foi adiada do programa do mês de Junho para o mês de Agosto, mas tudo foi acordado com o próprio Hugo Napoleão.
 
“Ele me ligou perguntando se sua participação poderia ser nos últimos dias de junho e eu disse que iria verificar com a executiva nacional. Depois retornei a ligação e disse que não daria, porque a programação da estava fechada e perguntei se poderia ser em Agosto e ele disse que tudo bem”, explicou.
 
Matéria relacionada:

O presidente afirma que se ele tivesse questionado, até poderia ter feito algo para mudar, mas como achou que ele teria aceitado. “O único fato foi esse, se ele tivesse me dito que queria agora, até teria feito algo para que isso acontecesse, porque ele tem prestígio no partido. Se eu quisesse barrá-lo, que isso nunca aconteceu e nem irá acontecer, todos eram capaz de me expulsarem do partido, pelo tamanho do seu prestígio junto as principais lideranças do DEM”, destacou.

O parlamentar se diz decepcionado com o ex-senador. “Eu tinha uma admiração muito grande, pela sua franqueza, mas isso quebrou devido à forma como ele me colocou para o Piauí e para a opinião pública. Meu encanto quebrou”, finalizou.

 

Caroline Oliveira
[email protected]

Tags:
Imprimir