Cidadeverde.com
Esporte

André Santos e Cristian choram na despedida

Imprimir
O volante Cristian e o lateral-esquerdo André Santos se emocionaram nesta terça-feira, no Parque São Jorge, durante a entrevista coletiva que marcou a despedida dos dois jogadores do Corinthians.
 
 
Negociados com o Fenerbahçe, da Turquia, os atletas choraram ao deixar o clube e prometeram voltar ao time alvinegro no futuro. "Não dou um tchau, mas um até logo. Saio com a missão cumprida de ganhar títulos", falou André Santos.
 
"No aeroporto, depois do jogo [contra o Cruzeiro, no domingo], o Andres [Sanchez, presidente] me falou e eu chorei. Eu disse que um dia vou voltar, com certeza. Deixei bem claro para ele e para o meu empresário que não quero outro clube a não ser o Corinthians", falou Cristian.
 
"Não é fácil buscar três títulos com essa camisa. Deixamos o nosso nome na história do Corinthians. A Libertadores e o centenário, a torcida precisa disso, depois de muito sofrimento do rebaixamento. Agora, você vai no estádio os torcedores incentivam e você aprende a amar o clube de verdade. Posso falar pra você que hoje sou um 'maloqueiro'", continuou.
 
O time turco pagou, segundo a Folha apurou, 7 milhões de euros (R$ 19 milhões) por Cristian, 26, e 5 milhões de euros (R$ 13,5 milhões) por André Santos, 26.
 
Mas apenas parte desse dinheiro fica com o Corinthians, já que os dois jogadores tinham seus direitos "fatiados".
 
O clube tinha 37,5% dos direitos de André Santos, pelos quais vai receber R$ 5,1 milhões. As empresas Turbo Sports (40%) e DIS, do Grupo Sonda (22,5) eram as outras "proprietárias" do jogador. Com Cristian, o Corinthians vai lucrar mais: R$ 6,3 milhões. A mesma quantia devem faturar Atlético-PR e Flamengo --cada clube detinha um terço dos direitos sobre o volante.
 
Fonte: Folha Online
Tags:
Imprimir