Cidadeverde.com
Política

Marina e PV anunciam no domingo quem apoiarão no 2º turno

Imprimir

Após reunião da Executiva Nacional do Partido Verde, a senadora e candidata derrotada à Presidência pelo PV, Marina Silva, reforçou nesta quarta-feira (13) que a posição dela e do partido com relação ao segundo turno das eleições presidenciais serão manifestados apenas no próximo domingo (17), em plenária da legenda em São Paulo.





“Não queremos protelar as coisas, queremos fazer as coisas de forma respeitosa com a sociedade”, justificou ao sair da reunião com 53 dos 57 integrantes da Executiva do PV, em Brasília.


A senadora frisou que a decisão entre apoiar o tucano José Serra, a petista Dilma Rousseff ou manter a independência da legenda também vai depender do retornodos presidenciáveis sobre as propostas encaminhadas pelo PV aos dois candidatos na última sexta-feira (8).


Na avaliação da terceira colocada na corrida presidencial, os seus quase 20 milhões de eleitores não vão “obrigatoriamente” seguir a mesma decisão que ela irá tomar.


“O que eu pude observar é um desejo muito grande de que haja convergência nesta plenária, que é muito bom. Espero que isso seja possível”, disse Marina. “Essa decisão será decidida no dia 17”, reiterou.


Posição de Dilma
Segundo Dilma, se a tendência do PV for pela neutralidade, ela respeitará a decisão. “Nós não podemos interferir em tudo do que as pessoas falam. O PV é um partido, agente tem que aceitar a decisão. Se vão apoiar A, B ou C. Eu acho que eles estão exercendo o legítimo direito deles. Tem que ter mais tolerância. Se a posição é de neutralidade, parabéns, é de neutralidade. Se for outra, parabéns é outra. Agora cada partido tem o sagrado posição de assumir suas posições”.


Dilma está em Teresina para realizar às 19h30 o primeiro comício da campanha no Nordeste no segundo turno. O presidente Lula participará do comício.


Flash Yala Sena
Com informações do Uol
[email protected]

Imprimir