Cidadeverde.com
Esporte

Passeio ciclístico atrai centenas de atletas no especial Viva Piauí 2016

Imprimir

Fotos: Raulino Neto/Cidadeverde.com



O passeio ciclístico promovido pelo Viva Piauí chamou a atenção das pessoas pelas ruas de Teresina, evento promovido pela TV Cidade Verde. Os amantes do pedal participaram do evento para promover o esporte, que a cada dia tem mais adeptos.


Veja mais fotos no Blog Olhar (aqui)


Foram sete quilômetros passando pelos principais pontos de Teresina. A turma saiu da praça do Marques, passando pela ponte Estaiada (Isidoro França) e Frei Serafim. Para Emanuel Rabelo, mais conhecido como Kiko, esta é uma boa iniciativa para divulgar o ciclismo e chamar atenção para investimentos na área.






Kiko é umas das promessas do ciclismo piauiense. Campeão estadual e Norte-Nordeste faz planos para participar de competições no Sul do Brasil em 2011. “Nós temos atletas muito bons e apesar das dificuldades e da falta de investimento, mas acredito que esse quadro pode se reverter para chegarmos nas olimpíadas  de 2016 representando bem”, diz.


As mulheres que participam deste esporte não são muitas no Piauí, porém já incentivam garotas mais jovens. Karina Rodrigues tem 24 anos, trabalha como diarista e treina desde 2008. A garota construiu a própria bicicleta com peças de segunda mão ou doadas por amigo. Apesar das dificuldades, Karina alimenta um sonho de ser campeã de triatlo e abre um largo sorriso ao comentar.






“Atualmente meu ranking nacional está baixo porque só participo de provas em nível estadual. Se tivesse condições para viajar, tenho certeza que não faria feio nos campeonatos”, enfatiza Karina.
Os custos com o ciclismo são altos. Uma bicicleta de competição chega a custar de R$ 7 mil a R$ 20 mil.






Para a competidora Lidiane Alves, 27, os incentivos devem ser não apenas do setor privado, mas também da prefeitura e do governo.





O baiano Wilton Bezerra, 55 anos e 30 anos de pedalada, estava a trabalho em Teresina e, ao ver no anúncio na televisão, se sentiu estimulado a participar do passeio ciclístico.


“O calor dificultou um pouco, mas a cidade de Teresina é ideal para o esporte, por conta das superfícies planas. É uma pena que a cidade não foi projetada com ciclovias, para que se possa praticar o esporte com segurança”, diz Wilton.






Para tentar divulgar e incentivar o esporte local, os ciclistas de Teresina se reúnem todas as terças e quintas para o “Pedalada noturno”. Eles também fazem passeios em trilhas aos domingos, onde tem um maior contato com a natureza.








Por Sarah Fontenelle (Especial para o Cidadeverde.com)
Fotos: Raulino Neto
[email protected]

 

Imprimir