Cidadeverde.com

Enfermeiro do Hospital Justino Luz morre após sofrer acidente de moto na BR 407

Foto: Divulgação/PRF 

Um enfermeiro, identificado como Anderson Gonçalves, de 29 anos, morreu no início da manhã desta terça-feira (16) após sofrer um acidente na BR 407, no município de Geminiano. O profissional atuava no Hospital Regional Justino Luz, em Picos, e fazia parte da equipe da linha de frente do combate à Covid-19. 

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, o acidente aconteceu por volta das 5h10, quando Anderson se deslocava para um plantão no hospital onde trabalhava. A motocicleta conduzida pelo enfermeiro se chocou com mureta, localizada às margens da rodovia. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu no local. 

Ainda de acordo com PRF, chovia no momento do acidente a pista estava molhada. 

O corpo foi recolhido pelo Instituto de Medicina Legal (IML).  

Equipes da perícia criminal e da Polícia Rodoviária Federal estiveram no local do acidente para colher informações e esclarecer a dinâmica do acidente. 

 

Foto: Redes sociais 

 

O Hospital Regional Justino Luz, por meio de sua assessoria de comunicação, lamentou o falecimento do enfermeiro e informou que ele se deslocava para um plantão na unidade no momento do acidente. A direção do hospital também emitiu uma nota de pesar: 

 

NOTA DE PESAR 

A direção do Hospital Regional Justino Luz comunica, com pesar, o falecimento do enfermeiro Anderson Feitosa Gonçalves, ocorrido na manhã desta terça-feira, 16 de fevereiro de 2021. 

Anderson trabalhava no setor de Clínica Médica do HRJL e era muito querido e admirado pelos seus colegas de trabalho. 

Todos os colaboradores do HRJL lamentam profundamente a perda precoce do prestador de serviço e neste momento de dor, transmite sentimentos e conforto e desejo de força aos familiares e amigos.

Nas redes sociais, amigos de Anderson também lamentaram o falecimento e prestaram homenagens ao profissional. 

 

 

Natanael Souza
[email protected]