Cidadeverde.com

Filhotes de cachorro são resgatados com corpos cobertos de piche em Picos

Fotos: Reprodução/APAPI

Equipes do Corpo de Bombeiros realizaram nessa quinta-feira (03), o resgate de seis filhotes de cachorro com os corpos cobertos de piche.Eles estavam em um terreno abandonado, no município de Picos, a 306 quilômetros de Teresina.

De acordo com o sargento Sousa Júnior, do Corpo de Bombeiros, ao chegar ao local, foi constatado que três filhotes não haviam resistido e outros seis ainda estavam vivos.

“Por volta das 11h30, a gente foi acionado por populares da região e nos informaram que existiam filhotes de cachorro presos com esse material asfáltico no corpo. A gente deslocou a guarnição e infelizmente três já se encontravam sem vida e a gente conseguiu realizar o resgate de seis”, explicou o sargento.

Os animais resgatados ficaram sobre os cuidados da ONG Amigos Protetores dos Animais de Picos (APAPI). A presidente da APAPI, Sanya Elayne contou ao Cidadeverde.com que a mãe dos filhotes vive na rua e que por ser bastante arisca, as equipes não conseguiram realizar o resgate dela, que também estava com piche pelo corpo.

O sargento Sousa Júnior acrescentou ainda que no terreno abandonado funcionava uma antiga usina de asfalto e por isso a presença do piche no local. Por viver na rua, a cadela teria entrado no terreno para parir os filhotes.

Filhotes após a retirada do piche

“Tudo indica que a cachorra, quando foi parir os filhotes, procurou um local mais afastado, mais frio e infelizmente pariu os filhotes nesse local”, pontua Sousa Júnior.

Sanya Elayne ressaltou que irá averiguar se alguém teria jogado o material nos animais ou se teria sido um acidente.

“A gente não sabe o que teria acontecido, se alguém teria jogado esse material, vamos olhar o local e avisar as autoridades competentes para evitar novos acidentes”, pontua a presidente.

Após o resgate, os filhotes foram levados para um pet shop onde o material asfáltico foi removido do corpo deles e medicados. Sanya Elayne disse que no momento eles estão em um lar temporário ainda recebendo os cuidados necessários.    

“A gente levou para um lar temporário de uma protetora e estamos cuidando, já demos outro banho para a remoção do piche e algumas pessoas já estão querendo adotar, mas só vamos entregar quando eles tiverem saudáveis e independentes”, conta.

A presidente informou ainda que três filhotes já estão bem, sem resíduo do material, e outros três deverão passar por mais banhos para a remoção completa do piche. Sanya Elayne divulgou o PIX 742.309.133-20 para doações aos animais. 

 

 

Rebeca Lima
[email protected]