Cidadeverde.com

Transexual piauiense ganha prêmio nacional de Direitos Humanos

A Coordenadora Municipal de Direitos Humanos e Livre Orientação Sexual na Prefeitura Municipal de Picos, Jovanna Cardoso, foi agraciada com o Prêmio Nacional de Direitos Humanos, concedido pelo Conselho Nacional (CNDH), na categoria personalidade.


Foto: arquivo pessoal

A premiação é um reconhecimento às pessoas que atuam na garantia da defesa, promoção e proteção dos direitos humanos no Brasil. Uma de suas ações nesse sentido foi a participação na comissão federal para apurar crimes contra LGBT no Ceará,em abril deste ano.

Militante do Movimento LGBT no Piauí, atuante no combate à homofobia no Brasil, Jovanna Cardoso, foi a primeira piauiense a conseguir na justiça a readequação do seu nome e gênero, sem necessidade de cirurgia para readequação sexual.

A decisão inédita em nosso Estado, esse foi o segundo caso no Brasil, o primeiro foi registrado no Rio Grande do Sul.

O Prêmio será entregue no XVIII Encontro Nacional do Movimento dos Direitos Humanos, que acontecerá  em Belo Horizonte, nos dias 13 a 16 de agosto. 

Fonte: Capital Teresina