Cidadeverde.com

Prefeito de Picos exonera servidores comissionados

 

 

Depois de cortar a gratificação de 62 efetivos, o prefeito reeleito de Picos, Padre José Walmir de Lima (PT), exonerou todos os servidores ocupantes de cargos em comissão lotados nos órgãos integrantes da administração direta.

A portaria foi assinada pelo Padre Walmir (PT) dia 1º de dezembro, mas com efeitos retroativos a 30 de novembro. A medida atinge todos os servidores comissionados indicados, com exceção daqueles que exercem cargos no primeiro e no segundo escalão.

Não foram atingidos pela medida os nomeados para os cargos de secretários municipais, procuradores, controlador geral, tesoureiro, ouvidor e o presidente da Comissão Permanente de Licitação. Também ficaram fora da portaria os coordenadores da Juventude, de Comunicação Social, de Habitação, de Direitos Humanos e Livre Orientação Sexual e Proteção e Defesa do Consumidor.

Como os contratos com os prestadores de serviços lotados na Secretaria Municipal de Educação se encerraram no último dia 30 de novembro, com essa nova medida o Padre Walmir (PT) espera reduzir bastante os gastos com a folha de pessoal.

Com informações do jornaldepicos
cidades@cidadeverde.com