Cidadeverde.com

Padrasto fere criança de 10 anos e a faz refém por três horas em Picos


Faca usada para fazer a criança refem (foto: Policia Militar)

Uma criança de 10 anos foi feita de refém pelo próprio padrasto ontem (30) em Dom Expedido Lopes. A criança ficou na mira de uma faca por aproximadamente 3 horas. De acordo com o tenente-coronel Edwaldo Viana, comandante do 4º BPM de Picos, o padrasto foi identificado como José de Sousa e uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ajudou no resgate. Até o momento, não há informações sobre o que levou o padrasto a cometer a ação.

O padrasto chegou a ferir a criança com um corte na orelha e no pescoço. Ela recebeu atendimento no hospital da região e o padrasto, que já tem passagem na polícia por tentativa de homicídio e roubo, foi preso. A agressão aconteceu após uma briga com sua companheira.

“O policiamento de Dom Expedito Lopes entrou em contato com o COPOM de Picos solicitando reforço, pois o padrasto estava com uma criança como refém, usando uma faca no pescoço dizendo que iria mata-la”, disse o comandante Viana. A Polícia Rodoviária Federal também ajudou no resgate.

“No momento em que já estava no local os policiais de Dom Expedito Lopes e policiais da PRF tentando negociar, foi feito o cerco à residência e, após mais ou menos duas horas e meia a três horas de negociação, o indivíduo resolveu tira a faca do pescoço da criança. Ele jogou a faca ao solo”, comentou o coronel.

No momento em que o padrasto soltou a faca, policiais que estavam na porta dos fundos da residência entraram no local.

 

Carlienne Carpaso
carliene@cidadeverde.com