Cidadeverde.com

500 famílias realizam o sonho da casa própria em Picos

Centenas de famílias  de Picos foram beneficiadas, nesta quarta-feira (20), com a entrega das chaves de 500 unidades habitacionais do residencial Louzinho Monteiro, zona Norte da cidade. 

Os moradores que antes viviam de aluguel ou de favor, agora investem em prestações simbólicas por um imóvel que é seu por direito. “Uma coisa é você pagar aluguel por toda a vida. Outra é você pagar por 15 anos por algo que é seu, que é da sua família e que ninguém mais vai lhe tomar. Por isso, para concluir as obras que ainda estão em andamento, buscamos a liberação de outros investimentos, tanto pela Caixa como pelo Banco do Brasil e outros bancos que estejam interessados em fazer o investimento”, destacou o governador Wellington Dias. 

Resultado dos investimentos de cerca de R$ 30 milhões em parceria entre o Banco do Brasil, União, Estado e Município, as casas contam com dois quartos, um banheiro, uma cozinha e uma sala de estar. 

Para o superintendente regional do Banco do Brasil, Silvio Luís de Lima, a entrega do residencial representa o compromisso do banco com o déficit habitacional do estado. “Hoje comemoramos a casa própria a quem mais precisa. Fazer parte deste momento é muito importante para nós porque eleva o significado do nosso trabalho”, destacou o gestor que garantiu o compromisso do BB em outros empreendimentos habitacionais no Piauí, como em Altos e Pau D’Arco. O residencial em Picos é um dos primeiros contratos do banco na área habitacional. 

O residencial abriga o sonho da casa própria de centenas de mulheres chefes de família, como o de Maria Francisca dos Santos. Vivendo até o momento em uma casa alugada, a picoense recebe as chaves da casa com muita expectativa. “Estou feliz demais. Acho que é o sonho de todo mundo, ter a sua casa própria”, disse Maria Francisca que também faz planos de murar a casa e plantar uma árvore no quintal. Divorciada, ela vai morar junto com seus dois filhos menores.

Após comemorar a entrega das chaves da casa 40, na quadra C do conjunto, a mais nova contemplada pelo programa MCMV, Maria Edileuza Holanda, acredita em uma mudança de vida. “Só em ter uma casa própria vai mudar muito”, diz a trabalhadora de serviços gerais. Solteira, Edileuza vai dividir a casa com sua filha de 25 anos ainda desempregada. 

Em 2016, também pelo programa MCMV, foi entregue em Picos o residencial Antonieta Araújo com 380 unidades habitacionais.

Obras estaduais

O município de Picos também recebe outras importantes obras do Estado. Em parceria com o Governo, está sendo implantada uma UPA (Unidade de Pronto Atendimento), além da pavimentação de diversas ruas da cidade. O acesso a localidades como o povoado Gameleiro e Chapada do Mocambo também recebe longas extensões de asfalto.

Fonte: Ccom