Cidadeverde.com

Igreja em Picos é arrombada e suspeitos levam até os refrigerantes

  • igreja1.jpg Divulgação
  • i2.jpg Divulgação
  • i3.jpg Divulgação
  • i4.jpg Divulgação
  • i5.jpg Divulgação
  • i6.jpg Divulgação
  • i7.jpg Divulgação

A Igreja de Santa Bárbara, no município de Picos, foi arrombada e teve três caixas de som roubadas no último final de semana. “Mais triste que isso, é a falta de respeito com a Igreja, o nosso sacrário, que foi destruído. Deus tem piedade de nós”, diz a secretária da Paróquia de São Francisco de Assis, Cláudia Sousa. 

Cláudia relatou que a Igreja de Santa Bárbara está localizada no bairro Parque de Exposição,  em uma região humilde do município. 

“Reviraram tudo. Mexeram em todo o sacrário, que era de madeira. As hóstias ficaram espalhadas pelo chão. Quem fez isso deveria pensar que tinha dinheiro lá dentro. O sacrário ficou todo amassado; foi triste”, comentou Cláudia, acrescentando que a paróquia também já foi alvo da criminalidade da região. 

As irmãs da Igreja acreditam que mais de uma pessoa participou da ação. “Não temos ideia de quem possa ter feito isso, mas deve ter sido mais de um. Registramos um Boletim de Ocorrência e agora precisamos encontrar uma maneira de reforçar a segurança”, além de pedir o apoio da Polícia Militar na região, comentou a irmã Nayra. 

Cozinha

Além das caixas de som, os suspeitos levaram um botijão de gás e os refrigerantes que estavam na geladeira. O sacrário foi localizado na cozinha. 

“Nós moramos ao lado da igreja, mas não estávamos em casa no dia, participávamos de um encontro. As pessoas que fizeram isso serraram uma grade que dá acesso ao salão, depois arrombaram uma janela para entrar na Igreja e uma porta que dá acesso à sala onde está o sacrário. Elas não tinham conhecimento do que ele é, pensaram que fosse um cofre, e a chave estava ao lado, dentro de uma vasilha. Pegaram uma faca de cozinha e ‘acabaram’ com o fundo dele.  Só viram as hóstia e derramaram”, conta a irmã sobre o ocorrido.

“Toda a igreja estava revirada. E isso não foi a primeira vez. Já levaram o nosso sino, algumas cadeiras já sumiram, infelizmente está sendo recorrente, mas agora foi pior porque arrombaram janela, porta e grades. Eles tentaram levar a mesa de som, mas não conseguiram”, lamenta Nayra. 

O festejo de Santa Bárbara está previsto para ocorrer de 23 de novembro a 4 de dezembro, e as caixas de som são importantes para o evento. As irmãs pedem que os interessados em ajudar a Igreja entrem em contato.


 


Carlienne Carpaso
carliene@cidadeverde.com