Cidadeverde.com

Polícia Civil de Picos não realiza diligências por falta de combustível

Há uma semana as viaturas da Polícia Civil da Delegacia Regional de Picos, estão sem combustível. Além das deficiências existentes no que diz respeito a conservação e número de viaturas, a falta de abastecimento tem atrapalhado as ações realizadas pela polícia.

A delegacia atende há 15 municípios e o problema tem refletido diretamente na investigações e realização de operações, como apontou o delegado regional, Jonatas Brasil.

“Nossa demanda é muito grande, pois são muitas cidades, em um total de 177 mil habitantes segundo dados do IBGE. Há quase dois meses nos dispomos apenas de dois veículos Gol, para quatro delegados. Além do efetivo pequeno e falta de viaturas, estamos se combustível”, explicou o delegado.

Também falta, na Perícia Civil o reagente que aponta a natureza dos entorpecentes, sem o produto os peritos não poder emitir laudos técnicos em caso de apreensão de drogas.

Durante a ultima operação da Polícia Civil em Picos, um homem flagrando com maconha foi liberado, uma vez que a perícia não conseguiu emitir laudo devido a falta do produto. 

“Nosso trabalho está completamente comprometido. Costumo dizer que o lugar do policial civil não é na delegacia e sim em campo realizando suas ações”, relatou Jonatas Brasil.

Fonte: Picos 40 graus