Cidadeverde.com

Estádio Helvídeo Nunes na cidade de Picos continua interditado

Foto: Picos40graus

A situação do estádio municipal Helvídeo Nunes de Barros, o Gigantão da Malva, está longe de ser resolvida. Apesar da Federação de Futebol do Piauí ter prorrogado o prazo de entrega de documentos, que atestem a regularidade das praças esportiva, Picos terá que correr contra o tempo para regularizar a sua situação.

Na tarde desta terça-feira, 30, o Corpo de Bombeiros de Picos realizou mais uma vistoria no local e, mais uma vez, não constatou a não adequação do espaço ao projeto de engenharia vigente.

“Não emitimos o alvará de regularidade devido a prefeitura não ter executado o projeto, embora terem concluído uma serie de itens de emergência, nos quais eles deverão se dirigir a Teresina, para dar entrada em um novo processo ara que seja emitido um termo de ajuste de conduta, onde eles afirmarão não ter como comprimir determinada etapa do projeto e buscarão outros meios para suprir”, disse o comandante do Corpo de Bombeiros de Picos, Tenente Hamylton Lemos.

Após a fiscalização, a corporação emitiu um parecer formal para a diretoria da Sociedade Esportiva de Picos (SEP), que será apresentada em Teresina. Uma nova vistoria deverá ser realizada após o retorno da diretoria da capital.

Interdição

Hamylton Lemos ressaltou que o local está interditado e não pode realizar nenhum tipo de evento, esportivo ou cultural.

“Sem o nosso atestado, as pessoas que adentrem, assim como o estádio, estão em risco. Visto que não existem as condições mínimas de segurança no local”, ressaltou o comandante.

Fonte: Picos40graus