Cidadeverde.com

Emgerpi, Fapepi e Sedet estudam instalação de centro de pesquisa em Picos

O diretor-presidente da Empresa de Gestão de Recursos do Piauí (Emgerpi), Ricardo Pontes, recebeu a visita do presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (Fapepi), Francisco Guedes, e de representes da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico e Tecnológico (Sedet), na manhã desta terça-feira (9). O objetivo do encontro foi pedir ajuda da Emgerpi para regularizar um contrato de sessão do Centro de Tecnologia Apícola do Piauí (Centapi), cuja cessão deverá ser repassada para a Sedet.

Ao final da reunião, Pontes afirmou que dará todo o suporte necessário para a Sedet e Fapepi, no que se refere a regularizar o contrato de sessão solicitado. Francisco Guedes falou que o objetivo da Fapepi, ao apoiar a instalação desse novo centro de pesquisa, é colocar para funcionar um equipamento público, que é o Centro Tecnológico de Apicultura de Picos, que será instalo em um prédio belíssimo com salas de aula, laboratórios, salas de incubação. "Esse trabalho será fundamental para alavancar as cadeias de produtivas da cidade de Picos”, reiterou.

“Estamos hoje pedindo apoio do presidente da Emgerpi, Ricardo Pontes, que, juntamente com a equipe da Sedet, nos ajudará a criar um contrato de gestão com uma OS da Tecnologia da Informação e comunicação daquela setorial, tudo isso para que possamos dar apoio às cadeiras produtivas da região, especialmente nos setores de apicultura, cajucultura  e energias renováveis”, acrescentou Guedes.

O presidente da Fapepi destacou, ainda, que, através desta ação, o governo estará evitando que os produtores dessas regiões deixem de fazer análises de materiais fora do Estado do Piauí. "Uma vez criado esse contrato de gestão, a Fapepi pretende lançar três editais voltados pesquisadores ligados as cadeias produtivas: apicultura, cajucultura e energias renováveis. Para isso, também faremos pesquisas juntos aos empresários da região sobre quais as demandas que eles precisam em relação a profissionais da pesquisa”, pontou.

O superintendente de Ciência e Tecnologia da Sedet, Thiago Carvalho, também falou sobre as boas perspectivas para o trabalho entre os três órgãos. “A nossa visita, hoje, na Emgerpi, teve como finalidade pedir ajuda para regularizar um contrato de sessão do Centapi, cuja sessão deverá ser repassada para a Sedet. Queremos cancelar o contrato, que está vigente com a federação apícola, e fazer outro com a Sedet”, disse. Ele explica que o prédio onde funcionará o novo centro tecnológico terá função importante. “A Sedet quer criar um pólo de tecnologia na cidade de Picos e, com isso, aliar empresas para dar apoio à produção de mel”, disse o superintendente que, na ocasião, representou o secretário da Sedet, José Icemar Lavôr Néri (Nerinho).

Fonte: Ascom

Moradores abandonam casas por medo de desabamento em Picos

  • IMG_9625.jpg Picos 40 Graus
  • IMG_9628(1).jpg Picos 40 Graus
  • IMG_9639.jpg Picos 40 Graus
  • IMG_9646(1).jpg Picos 40 Graus
  • IMG_9647.jpg Picos 40 Graus
  • e6d8673ea909b45fcbb769b15b10_(1).jpg Picos 40 Graus
  • 135d6df9-f3af-4a7e-bdba-ebc76ce3acf5.jpg Picos 40 Graus
  • 261f9277-941f-4853-97e0-35eb5a725b98.jpg Picos 40 Graus

Cerca de 20 famílias precisaram abandonar as suas casas por temerem um desabamento no local conhecido como Morro da Mariana no município de Picos, a 306 km de Teresina. 

Desde o final de 2017 fortes chuvas tem atingido a região e assustado os moradores. Em entrevista a um portal local, o segurança William Sousa lamentou ter de deixar sua casa após 12 anos vivendo no local. Imagens mostram sua motocicleta que estava estacionada em frente a casa, sendo carregada por homens após cair do barranco que cedeu.

“Não vou colocar minha família em risco, temos primeiro que salvar nossas vidas, bens materiais se conseguem trabalhando, é melhor ter um prejuízo financeiro do que perder a vida. Sai da casa própria para o aluguel”, afirma.

A Defesa Civil Municipal afirmou que já tem conhecimento da situação que á antiga na cidade. O coordenador afirmou que vistorias são realizadas e as famílias cadastradas para atendimento assistencial. "Vamos ver o que podemos fazer. Realizamos apenas vistorias e encaminhamos a secretaria de Obras que é quem deve analisar o que é possível naquela região", explica o coordenador Oliveiro Luz.

Rayldo Pereira
Com informações de Picos 40graus
rayldopereira@cidadeverde.com

Chuva forte causa alagamento nas ruas do Centro de Picos

Uma chuva forte de aproximadamente 30 minutos na manhã desta sexta-feira (05) voltou a alagar as principais ruas e avenidas da cidade de Picos, o temporal começou por volta das 07 horas e foi até às 07h30 com muita água principalmente que desceu das encostas dos morros e de lugares mais altos. Os veículos que estavam circulando nesse horário tiveram dificuldades para passar em alguns trechos devido o volume de água que era grande, isso principalmente para carros de passeio.

Outra chuva forte ainda nessa semana também alagou as ruas e avenidas do centro e dos principais bairros da cidade, pois como Picos não possui um sistema de escoamento de águas, qualquer chuva mais forte termina alagando tudo.

A previsão da meteorologia para esse ano é de chuvas mais intensas e até a mais que no ano passado, o que deve ser bom para a agricultura, já que a região estava praticamente seca e os animais passando sede.

Com informações de Riachaonet
cidades@cidadeverde.com

Caminhão é roubado e motorista feito refém próximo a Picos

A polícia civil de Picos registrou um roubo de veículo de carga na BR 316, próximo ao Povoado Gaturiano, município de Dom Expedito Lopes, por volta das 22h30min da quarta-feira (03).

Dois homens armados renderam o motorista e roubaram um caminhão Mercedes Benz modelo MB 1113, ano 79, de cor amarela e Placa GMO 7101, de Lambari, Minas Gerais.

O veículo, que saiu da cidade mineira de Itajubá com destino a Teresina, Capital do Estado do Piauí, estava carregado com peças para hidrelétrica.

Em depoimento na Central de Flagrantes de Picos o motorista, Vicente Nicolau, contou que trafegava pela rodovia federal quando um carro emparelhou com o caminhão e um homem armado com um revólver, que estava sentado no lado do passageiro, ordenou que ele parasse o veículo.

O caminhoneiro relatou que após ser rendido foi levado na cabine do caminhão por alguns quilômetros e em seguida colocado no porta-malas de um carro de passeio onde permaneceu por mais de duas horas.

Na ação criminosa os assaltantes também roubaram a quantia de R$ 400 reais e dois aparelhos de telefone celular e depois liberaram o motorista na BR 230, próximo ao município de São João da Varjota.

Vicente Nicolau, contou que caminhou pela rodovia por horas em busca de ajuda, chamando nas portas de algumas casas, mas ninguém respondeu.

Só ao amanhecer o caminhoneiro conseguiu conversar com a proprietária de um bar, em seguida acionou a PRF (Polícia Rodoviária Federal) e pegou um transporte alternativo e veio até a delegacia de Picos fazer um Boletim de Ocorrência.

Até o fechamento desta matéria o caminhão, a carga e os demais itens roubados ainda não haviam sido recuperados.

Fonte: O Povo | Foto: reprodução

Mulher dá à luz em calçada por falta de ambulância do Samu em Picos

Foto: Grande Picos

Ednalva Ivanilda de Moura, de 22 anos, deu à luz em uma calçada por falta de uma ambulância do Samu em Picos, município a 306 km de Teresina. José Wellington de Sousa, levava a esposa a pé para o hospital na madrugada desta quarta-feira (3) quando a bolsa de Ednalva rompeu e o parto precisou acontecer ali mesmo em uma calçada do bairro Bomba, a menos de 800 m do Hospital Regional Justino Luz.

"Por volta de 1h40 ela começou a sentir dores e me acordou. Imediatamente eu liguei pro Samu e a atendente me informou que ele já estava saindo para uma diligência em uma rua próxima, questionando se não dava para esperar. Minha mulher falou que não aguentava mais e como em seu último parto ela teve uma hemorragia fiquei muito desesperado e saímos a pé para o hospital. Só que no caminho a bolsa dela estourou, eu tirei minha camisa para forrar a calçada onde a gente estava, deitei ela e a criança nasceu ali mesmo", conta o pai que realizou o parto.

José já tem outros dois filhos, um de seis e outro de um ano.  O terceiro filho que nasceu ganhou o nome de Wellington Filho, escolhido em homenagem ao pai que fez o parto. "Eu nunca tinha nem visto um parto. Só em novela, na televisão. Ali naquela hora eu achei que perderia minha esposa e meu filho pois ela tem anemia, mas graças a Deus a criança nasceu normalmente e deu tudo certo", comemora.

Após o parto, José e clientes de um bar próximo ao local saíram em busca de um táxi para levar Ednalva. Policiais Militares que passavam próximo socorreram a mulher e o filho que foram levados de viatura até o hospital, onde mãe e filho estão em observação até o momento.

Apesar da alegria do parto, José descreve o sentimento de descaso  após ver a esposa dar à luz no meio da rua. Para ele esta situação é inaceitável e demonstra "desprezo com o ser humano". "A gente se sente um nada, um ninguém. Desprezado pelas autoridades que a gente coloca no poder pensando que vão fazer alguma coisa por nós, e no fim da nisso", desabafa. 

SAMU

Procurado pelo Cidadeverde.com o diretor administrativo da Secretaria Municipal Bruno Alves Luz, esclarece que as duas ambulâncias do município estavam disponíveis durante todo o recesso de fim de ano. Porém desde o último sábado (30) uma delas apresentou problemas mecânicos e precisou ser levada para a oficina, de onde foi retirada somente na manhã desta quarta-feira (03). Por haver só uma ambulância funcionando a regulação do serviço, feita em Teresina, a encaminhou para outra ocorrência.

Rayldo Pereira
rayldopereira@cidadeverde.com

Meteorologia prevê inverno com chuvas acima da média em Picos

O Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) divulgou a previsão para o inverno em 2018 na região de Picos. Segundo a perspectiva do órgão as chuvas deverão atingir cerca de 600mm, o dobro do registrado durante o inverno de 2017.

A chuva da manhã desta terça-feira, 02, atingiu 32 milímetros e foi a maior dos últimos nove meses. Com duração de 30 minutos, com muito trovões e raios, a precipitação causou alagamento em algumas áreas da cidade e deu inicio ao período de inverno.

“Janeiro é o mês de início do inverno. Esta chuva é uma declaração de que ele agora começou. Foi uma chuva de intensidade moderada, mas muito boa, especialmente para o homem do campo”, afirmou o técnico o INMET, Eugênio Lopes.

Devido à chuva, a temperatura do ar sofreu uma redução e se encontra em 27°C. Ao final do dia, esta deve aumentar. Outro ponto positivo é o aumento da umidade do ar que está em 85%.

Fonte: Picos 40 graus

Vídeo: com duas armas, bandido assalta loja de motos no interior do Piauí

Câmeras de segurança flagraram a ação de um bandido em uma loja de  motos na cidade de Picos, a 306 km de Teresina. O suspeito (que usa boné e está com uma mochila) aparece dentro do escritório.  Com duas armas de fogo, uma em cada mão, ele rende funcionários e uma cliente.

A ação criminosa ocorreu por volta das 15h20, desta sexta-feira (22). Mais dois bandidos participaram do assalto, sendo que um ficou na área externa e o outro transitando no interior da loja. 

Foram roubadaos duas motocicletas que estavam expostas para serem vendidas e três celulares.  Segundo testemunhas, o assalto foi muito rápido e sem violência física. A loja assaltada fica localizada na Avenida Deputado Sá Urtiga, bairro Bomba.

A Polícia Miltar de Picos informou que os suspeitos ainda não foram localizados. Informações podem ser repassadas através do 190 ou o Copom  89 9924-6650. 

 

Graciane Sousa
gracianesousa@cidadeverde.com

500 famílias realizam o sonho da casa própria em Picos

Centenas de famílias  de Picos foram beneficiadas, nesta quarta-feira (20), com a entrega das chaves de 500 unidades habitacionais do residencial Louzinho Monteiro, zona Norte da cidade. 

Os moradores que antes viviam de aluguel ou de favor, agora investem em prestações simbólicas por um imóvel que é seu por direito. “Uma coisa é você pagar aluguel por toda a vida. Outra é você pagar por 15 anos por algo que é seu, que é da sua família e que ninguém mais vai lhe tomar. Por isso, para concluir as obras que ainda estão em andamento, buscamos a liberação de outros investimentos, tanto pela Caixa como pelo Banco do Brasil e outros bancos que estejam interessados em fazer o investimento”, destacou o governador Wellington Dias. 

Resultado dos investimentos de cerca de R$ 30 milhões em parceria entre o Banco do Brasil, União, Estado e Município, as casas contam com dois quartos, um banheiro, uma cozinha e uma sala de estar. 

Para o superintendente regional do Banco do Brasil, Silvio Luís de Lima, a entrega do residencial representa o compromisso do banco com o déficit habitacional do estado. “Hoje comemoramos a casa própria a quem mais precisa. Fazer parte deste momento é muito importante para nós porque eleva o significado do nosso trabalho”, destacou o gestor que garantiu o compromisso do BB em outros empreendimentos habitacionais no Piauí, como em Altos e Pau D’Arco. O residencial em Picos é um dos primeiros contratos do banco na área habitacional. 

O residencial abriga o sonho da casa própria de centenas de mulheres chefes de família, como o de Maria Francisca dos Santos. Vivendo até o momento em uma casa alugada, a picoense recebe as chaves da casa com muita expectativa. “Estou feliz demais. Acho que é o sonho de todo mundo, ter a sua casa própria”, disse Maria Francisca que também faz planos de murar a casa e plantar uma árvore no quintal. Divorciada, ela vai morar junto com seus dois filhos menores.

Após comemorar a entrega das chaves da casa 40, na quadra C do conjunto, a mais nova contemplada pelo programa MCMV, Maria Edileuza Holanda, acredita em uma mudança de vida. “Só em ter uma casa própria vai mudar muito”, diz a trabalhadora de serviços gerais. Solteira, Edileuza vai dividir a casa com sua filha de 25 anos ainda desempregada. 

Em 2016, também pelo programa MCMV, foi entregue em Picos o residencial Antonieta Araújo com 380 unidades habitacionais.

Obras estaduais

O município de Picos também recebe outras importantes obras do Estado. Em parceria com o Governo, está sendo implantada uma UPA (Unidade de Pronto Atendimento), além da pavimentação de diversas ruas da cidade. O acesso a localidades como o povoado Gameleiro e Chapada do Mocambo também recebe longas extensões de asfalto.

Fonte: Ccom

UTI em Picos atende dezenas de cidades da macroregião

 

Após 25 dias de abertura e funcionamento da Unidade de Terapia Intensiva, a direção do Hospital Regional Justino Luz recebeu a visita técnica do Conselho Regional de Medicina (CRM). De acordo com a presidenta do CRM, dra. Mírian Parente, a unidade está pronta para atender às necessidades mais complexas, sendo fundamental para a macrorregião de Picos. "É muito bom a gente vir a uma UTI nova, todo mundo com muita boa vontade para que os atendimentos sejam de melhor qualidade", disse a presidenta do CRM.

O presidente da Fundação Hospitalar do Piauí, Pablo Santos, explicou que desde que assumiu a Fundação vem realizando ações de melhoria das gestões nos hospitais, com aquisição de equipamentos médicos e otimização dos processos, além da abertura de vagas em UTIs.

A diretora-geral do hospital, dra. Patrícia Batista, apresentou aos membros do CRM, as instalações e toda a equipe multiprofissional e explicou os processos de trabalhos realizados na UTI, com indicadores que apontam que no primeiro mês de atendimento, a UTI já interveio para salvar dezenas de vidas, recebendo pacientes de municípios circunvizinhos, como Patos do Piauí, Jaicós, Paulistana e Pio IX, com uma demanda diária de aproximadamente 60% da capacidade.

Depois de analisar toda a estrutura do espaço e constatar os resultados positivos, dra. Mírian afirmou que a UTI do Hospital Regional Justino Luz vai contribuir para o atendimento de pacientes mais graves desta região. "É uma UTI completa com equipamentos novos, logicamente ainda tem algumas dificuldades, como a parte de hemodiálise e tomografia, mas existe a ideia de melhoria para a saúde da população, com certeza vai fazer todo o diferencial nesta região, não só para Picos, mas para todas as cidades ao redor”, completa Mírian Parente.

Fonte: Ccom

Número de homicídios cresce 12% no município de Picos

O número de homicídios registrados em Picos este ano já superou o quantitativo do ano passado. De 01º de janeiro a 13 de dezembro, 17 pessoas foram assassinadas na cidade.

O ano de 2016 contabilizou 14 Crimes Violentos Letais e Intencionais.  Dados da Polícia Civil apontam que a maioria das vítimas tinha envolvimento com o tráfico de drogas.

De acordo com o delegado titular da delegacia especializada em tráfico e homicídios, Agenor Ferreira Lima, o fato se repete nos casos registrados este ano, onde cerca de 70% deles, existe relação direta com o tráfico.

Foram assassinados este ano em Picos o menor Michael da Silva Barros, de 13 anos; Domingos João Pereira, de 32 anos; João Adeládio da Rocha, de 63 anos; o mototaxista, José Manoel de Sousa; o desempregado, Ubiratan de Moura Menezes, de 32 anos, que era mais conhecido como “Biro”; o ex-presidiário, Marcos Vinicius do Nascimento Santos, de 28 anos; Veronice da Silva Bispo; o vendedor, Felipe Lavor dos Santos, de 26 anos; o caseiro, Francisco Pereira Sobrinho, que era mais conhecido como “Chico de Munda”, de 81 anos; a dona de casa, Jarnicleide de Holanda Leal; o desempregado, Antônio José da Cruz; o desempregado, Wesley de Almeida, de 23 anos, que era mais conhecido como “Ventinha”; o detento, Reinaldo Lopes de Moura, de 32 anos; o ex-presidiário, Wilame da Silva, que era mais conhecido como “Alemão”, de 29 anos; o menor, Marcos Moreira de Lima, de 17 anos; um homem identificado pela polícia civil como “Romero” e o ex-presidiário, José Fontes Caminha, que era mais conhecido como “Gadinho”.

Dificuldades

Ainda segundo Agenor, a maior dificuldade na resolução desses casos tem sido as deficiências encontradas na delegacia.

“O reduzido efetivo da Polícia Civil de Picos e a problemática do combustível e da ausência de viaturas tem atrapalhado o nosso trabalho na delegacia de homicídios. No entanto tivemos êxito na elucidação de alguns crimes, mas esbarramos no aguardo de laudos periciais e cumprimentos de ordem de missões”, explicou o delegado.

Vítimas de 2016

José Maria Pinto dos Santos, Francisco Alderi Pereira do Nascimento, Natanael Pereira de Albuquerque, Marcelino Xavier da Silva Filho, Taciana Maria de Alencar, Gilberto de Carvalho Filho, Valdemar Vicente dos Santos, Francisco das Chagas Eduvirgens Santos, Francisco Lázaro Pereira dos Santos, Francisco Carlos Borges, Antônio Camilo de Oliveira, Iata Anderson Feitosa Lacerda, Benedito Josenildo Alves, José Antônio de Sousa Filho.

Fonte: picos40graus

 

 

 

Posts anteriores