Cidadeverde.com

Entidades buscam alternativas para combater a violência em Piracuruca

Representantes da Prefeitura de Piracuruca, do Tribunal de Justiça do Piauí, da Polícia Civil e do Ministério Público Estadual reuniram-se com o Conselho Municipal de Segurança Pública de Piracuruca para elaborar estratégias de enfrentamento à violência no município.

O encontro aconteceu no auditório da Secretaria Municipal do Trabalho, Cidadania e Assistência Social, no início deste mês, e foi conduzida pela presidente do Conselho, Iara Jane Gomes dos Santos. O Conselho de Segurança realizou um levantamento sobre a violência no município. Os altos índices de assalto à mão armada e o pequeno contingente de policiais foram alguns dos pontos abordados.

O prefeito Raimundo Alves Filho (PSD) afirma que a situação vivida por Piracuruca não é diferente de outros municípios piauienses e que mesmo a segurança pública sendo de responsabilidade do Governo Estadual, as prefeituras devem buscar alternativas que promovam a maior segurança da comunidade.

Um dos projetos, de acordo com o prefeito Raimundo Alves Filho, é a instalação de um sistema de videomonitoramento. “Visitei algumas cidades para conhecer como funciona esse sistema. Já iniciamos o processo de licitação para a compra do equipamento. Com o monitoramento eletrônico teremos como minimizar a violência e fazer o atendimento à população de forma mais ágil”, comenta.

Os assaltos a bancos e a soltura de presos foram outros temas debatidos durante a reunião. A presidente do Conselho Municipal de Segurança, Iara Jane Gomes, incluiu entre os encaminhamentos da reunião a realização de uma reunião com o corregedor geral de Justiça, desembargador Sebastião Ribeiro Martins, para solicitar o aumento no número de servidores da Justiça. “O objetivo é dar celeridade aos processos, visto que o Poder Judiciário no município tem enfrentado sérios problemas e alguns presos são colocados em liberdade, podendo voltar a cometer delitos”, observa.

Outra sugestão elaborada durante a reunião é fortalecer a presença do Conselho Tutelar em todas as práticas delituosas cometidas contra menores, bem como em blitzen realizadas pelos agentes municipais de trânsito.  “No início deste mês elegemos os novos conselheiros tutelares e o compromisso é continuar atuando para a garantia dos direitos de nossas crianças e adolescentes”, encerra o prefeito Raimundo Alves Filho.  

Da Editoria de Cidades
cidades@cidadeverde.com