Cidadeverde.com

Coral das Mil Vozes reúne crianças no adro da Igreja São Benedito

As mais belas canções natalinas na voz de centenas de crianças. Essa é a proposta do “Concerto de Natal do Coral das Mil Vozes”, que se apresenta nesta quinta-feira (17), a partir das 19 horas, no adro da Igreja São Benedito. A apresentação é o resultado de um projeto desenvolvido durante todo o ano nas escolas da rede estadual.
 
Neste ano, o coral faz uma homenagem ao maestro Emmanuel Coelho Maciel, o autor da iniciativa que completa sua 19ª edição. Emmanuel era mineiro, mas morava no Piauí desde 1976.
 
“Criamos, elaboramos e executamos o projeto. Meu pai faleceu em maio deste ano e essa é uma oportunidade de homenageá-lo pelo trabalho desenvolvido. Pelo menos 100 mil crianças já foram atendidas ao longo desses anos. Estamos retomando a apresentação e queremos fazer um evento bem maior em 2016, homenageando outros músicos que já passaram pelo projeto”, diz o filho de Emmanuel, o também maestro, Victor Maciel.
 
Os arranjos e a direção artística do espetáculo são assinados pelo maestroBeetholven Cunha, pernambucano que mora em Teresina desde 2005, diretor, criador e maestro da Camerata Teresinense. O projeto é executado pela Secretaria Estadual de Cultura em parceria com a Secretaria Estadual de Educação.
 
As crianças são acompanhadas por 15 músicos que fazem parte da Camerata. Victor Maciel explica que o coral é uma espécie de mostra dos resultados obtidos ao longo do ano. “O objetivo é levar a musicalização para dentro das escolas. São 12 professores que ensinam teoria e prática aos alunos. A iniciativa tem tirado muitos meninos e meninas da marginalidade, pois muitos descobriram seu talento e hoje se dedicam à música”, explica.
 
Através do projeto “Canto Coral nas Escolas da Rede Pública Estadual de Ensino”, o aluno tem a oportunidade de conhecer teoria e prática e ainda aprender a fazer seu instrumento. “É um processo de educação musical, onde valorizamos a música brasileira e o nosso folclore. Além disso, as escolas têm a oportunidade de formar seu próprio coral a partir desse acompanhamento”, explica o maestro.
 
No repertório da apresentação de quinta-feira, estão os clássicos natalinos como “Bate o sino” e “Então é natal”.
 
Esta iniciativa, além de valorizar o desempenho anual de cada criança, cantor em potencial, ajuda a fortalecer sua autoestima e interesse pela música de boa qualidade. O grande objetivo é “educar os alunos, incorporando valores éticos e morais que lhes permitam o acesso à obra de arte, como processo de democratização da cultura, preparando-os para pensar, avaliar e julgar o que ouvem e o que vêem como arte”.
 
Para o secretário estadual de Cultura, Fábio Novo, é muito bom manter a realização de eventos que já se tornaram uma tradição no calendário cultural da cidade. "Dentro da programação de Natal, além da apresentação do coral em Teresina, teremos a Caravana da Rabeca que vai percorrer 15 cidades do Piauí, levando música, teatro e dança", diz Fábio Novo.