Cidadeverde.com

Chandelly Kidman lança primeira "escola de drags" neste fim de semana em Teresina

  • ff9a02f5-0e47-41fc-9903-a5c58786fd15.jpg Thiago Amaral / Cidadeverde.com
  • e47d0c55-76f1-4873-bcd0-2fd02bebf356.jpg Thiago Amaral / Cidadeverde.com
  • d26a7186-aa41-4452-8b1f-ba83f42ac8bc.jpg Thiago Amaral / Cidadeverde.com
  • ca0d815a-10af-4eca-af2e-8819e8b65bff.jpg Thiago Amaral / Cidadeverde.com
  • aec6b4c5-0556-4a25-814c-54165b4b470d.jpg Thiago Amaral / Cidadeverde.com
  • 6333efc5-f39b-4748-bf5c-596744290890.jpg Thiago Amaral / Cidadeverde.com
  • 946b03bc-635a-4906-89bb-10f8e7597d38.jpg Thiago Amaral / Cidadeverde.com
  • 705ea40a-964c-4b12-bf10-4c97e7ff953f.jpg Thiago Amaral / Cidadeverde.com
  • 9b221e1f-9c69-4e27-a1ed-af5c9299cb2b.jpg Thiago Amaral / Cidadeverde.com
  • 7b83464a-3beb-4b4f-89ca-f93a20d41aba.jpg Thiago Amaral / Cidadeverde.com
  • 6b30ca3e-7e2e-4262-884a-e11e7ea2e31d.jpg Thiago Amaral / Cidadeverde.com
  • 2b6ef494-7ff2-4295-9fb4-e40ad96ad7b4.jpg Thiago Amaral / Cidadeverde.com

Que a onda do drag invadiu Teresina nós já sabemos, mas a maior novidade é que a capital piauiense terá sua primeira "escola de drags". Uma das drag queens mais famosas de Teresina, Chandelly Kidman, vai revelar seus segredos e ensinar quem nunca pensou em "se montar" antes, a se tornar uma verdadeira rainha.

Como andar de salto, dublagens, composição de figurino e bordados serão os temas abordados durante o curso "Drag Class", que será ministrado neste fim de semana na Casa da Cultura da capital. Chandelly conta que um material foi preparado para os alunos baseado no que ela faz em seu trabalho. "Mesmo quem não sabe nada sobre drag pode participar. O curso é desenvolvido para homens e mulheres que se interessam pelo tema. Seria bom que as drags pudessem ir porque não se limita só ao básico, mas ele abrange a todos os públicos", explicou.

O playlist acompanhou o trabalho de Dackson Mikael para incorporar Chandelly. São cerca de duas horas entre o início do processo de maquiagem até a conclusão de todo o trabalho. "A gente demora mais na maquiagem porque você precisa neutralizar o seu rosto masculino e criar traços femininos e isso demora porque é outra pessoa que está vindo. Dá muito trabalho", comenta Dackson.

E é justamente este trabalho que Chandelly quer valorizar e levar mais adiante incentivando e ensinando novos interessados em conhecer o universo drag. "Muito se trabalha e pouco se fala sobre isso. Não há visibilidade. Essa escola vai fazer com que as pessoas vejam com outros olhos. É uma profissionalização da coisa", completa.

As inscrições podem ser no momento da aula que acontece das 14h as 17h e custam R$ 50 pelos dois dias.