Cidadeverde.com

Divinas Divas, de Leandra Leal, vai entrar nas plataformas digitais

Divinas Divas, filme que marca a estreia de Leandra Leal como diretora em longas-metragens, entrará nas plataformas de vídeo sob demanda. O documentário vai estrear na grade do Now, Vivo Play e Oi Locadora a partir do dia 28 de ulho. A produção é da Daza Filmes, em coprodução com Biônica Filmes e Canal Brasil. A distribuição é feita pela Vitrine Filmes, através do projeto Sessão Vitrine Petrobras.
 
Divinas Divas apresenta a trajetória de Rogéria, Jane Di Castro, Divina Valéria, Camille K, Fujika de Halliday, Eloína dos Leopardos, Marquesa e Brigitte de Búzios. A partir de uma íntima relação com a diretora e com o teatro de sua família, acompanhamos as personagens no processo de construção de um espetáculo que celebra seus 50 anos de carreira. O filme propõe a compreensão de suas vidas como obras de arte e como ato político no Brasil de ontem e de hoje.

Sinopse

As Divinas Divas são ícones da primeira geração de artistas travestis no Brasil dos anos 1960. Um dos primeiros palcos a abrigar homens vestidos de mulher foi o Teatro Rival, dirigido por Américo Leal, avô da diretora. O filme traz para a cena a intimidade, o talento e as histórias de uma geração que revolucionou o comportamento sexual e desafiou a moral de uma época.
 
Ficha Técnica:
Realização e Produção: Daza Filmes
Coprodução: Biônica Filmes e Canal Brasil
Distribuição: Sessão Vitrine Petrobras
Direção: Leandra Leal
Roteiro: Carol Benjamin, Leandra Leal, Lucas Paraizo, Natara Ney
Produção Executiva: Carol Benjamin
Montagem: Natara Ney, edt
Fotografia: David Pacheco
Produtoras: Leandra Leal,  Carol Benjamin, Natara Ney e Rita Toledo
Produtores Associados: Bianca Villar, Fernando Fraiha e Karen Castanho