Cidadeverde.com

O plano B para os "sem partido" do bloco governista

Nem PT, pela reação interna, nem MDB, pela baixa perspectiva eleitoral. A saída para  Flávio Nogueira, Janaínna Marques, Nerinho, Hélio Isaias, Wilson Martins e outros líderes governistas poderá ser uma nova legenda, capaz de abrigar os políticos  que enfrentarão dificuldades de filiação partidária para a campanha eleitoral de 2022. Essa nova sigla já entrou nos radares do governador Wellington Dias, da vice, Regina Sousa, que assumirá o governo em abril do próximo, e de Rafael Fonteles, o pré-candidato majoritário da coalizão  governista.