Cidadeverde.com

TRT aprova exoneração do juiz Washington Bandeira para ser secretário

Em sessão administrativa do Tribunal Pleno do Tribunal Regional do Trabalho da 22ª Região (TRT-22), nesta quarta-feira (07/12), o pedido de exoneração do juiz do trabalho Washington Bandeira Filho. Os desembargadores votaram a favor da pauta. A partir do dia 1° de janeiro de 2023, Washington Bandeira Filho assumirá a pasta da Secretaria de Educação do Estado do Piauí. 

Emocionados, os magistrados desejaram boa sorte ao colega. A desembargadora Liana Chaib, que tomará posse como ministra do Tribunal Superior do Trabalho (TST), deixou uma mensagem de gratidão ao colega, que foi juiz auxiliar durante sua gestão como presidente do TRT-22 no biênio 2019/2020. “Tenho certeza de que o Piauí ganha muito e de que que seu caminho será de luz. Muito obrigada por todos os momentos de parceria”, disse.

O juiz do trabalho agradeceu as palavras dos colegas e falou sobre a nova missão. “Tive vivências engracededoras em oportunidades que me foram dadas. O novo caminho que vou trilhar tem sentimento de missão, que, por sinal, é muito nobre na área da educação. Uma forma de oportunizar a jovens e adultos as mesmas oportunidades que tive quando estudante”, pontuou. 

Washington Bandeira era juiz titular do trabalho, foi juiz auxiliar da Presidência do TRT-22 e, *até esta quarta-feira *, ocupava a Presidência da Associação dos Magistrados Trabalhistas do Estado do Piauí (Amatra).