Cidadeverde.com

A condição para o diálogo João de Deus/Robert Rios

A semana foi marcada por atritos e arestas envolvendo o líder do governo, João de Deus (PT), e oposicionista Robert Rios (PDT). Discursos fortes e agressões  de lado a lado. A volta do diálogo depende de duas condições: João de Deus se retratar da acusação de passado sujo atribuído a Robert Rios; e o pedetista parar de chamar de modo generalizado os petistas de corruptos e ladrões. O acordo está difícil.