Cidadeverde.com

Candidatos no interior do PI podem ter pedidos de registros impugnados

Candidatos no interior do Piauí já tiveram seu pedido de registro impugnado. É o caso do candidato a prefeito da oposição em São João do Piauí, Alexandre Mendonça (PROS). O Ministério Público, através do promotor eleitoral Jacson Santos Borges, entrou com o pedido na 1ª instância, mas falta o parecer da Justiça sobre a impugnação. De acordo com o pedido do órgão ministerial, Alexandre  Mendonça foi condenado por abuso de poder econômico nas eleições de 2012 e não está apto a disputar o pleito eleitoral do próximo mês de outubro.

O prefeito de São Miguel do Tapuio, Lincoln Matos (PTB), que tenta à reeleição, é acusado e já tem condenação por improbidade adminsitrativa no Tribunal de Justiça do Piauí. Ele teve recurso negado no Supremo Tribunal Federal e assim,  seu registro de candidatura não está garantido, mas ele garante recorrer da sentença para se manter na campanha.

Outro caso é o do ex-prefeito de Novo Santo Antônio, Clovis Melo (PP), que quer tentar a Prefeitura. Esta semana ele teve suas contas rejeitadas pela Câmara Municipal e vai ficar impedido de disputar eleições. Segundo Clóvis, os adversários tramaram contra ele para que suas contas não fossem aprovadas na Câmara.