Cidadeverde.com

Acordo não prevê "fatiamento" na Saúde

A comentada instalação de um órgão já criado pelo governo para administrar hospitais estaduais não é parte de entendimento para o PP indicar o secretário de Saúde. Segundo informações de bastidores, a nova instituição abrigaria o segmento do PT ligado ao deputado federal Assis Carvalho. Petistas próximos ao governador Wellington Dias informam que o PP vai dirigir a Saúde no estilo "porteira fechada". Lideranças do PP também desconhecem "fatiamento" na pasta para abrigar o deputado Assis Carvalho.