Cidadeverde.com

Grampos telefônicos na Assembleia Legislativa

Corre nos bastidores do parlamento  estadual informações não confirmadas de deputados que estão com telefones  grampeados como retaliação pela aprovação da PEC (Proposta de Emenda Constitucional) que alterou o critério da formação da lista tríplice para a escolha do Procurador Geral do Estado. O mais preocupante, segundo fontes ligadas a gabinetes de deputados, é que os tais grampos estariam ocorrendo sem autorização judicial.