Cidadeverde.com

IBGE disponibiliza questões do Enem de 2009 a 2018 que citaram o instituto

Nos dias 3 e 10 de novembro, cerca de seis milhões de pessoas em todo o país deverão fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) e o IBGE pode ajudá-las a se preparar ainda mais nesta reta final para as provas. Entre 2009 e 2018, pelo menos 24 questões objetivas do ENEM usaram dados do IBGE. Além disso, seis provas de redação, aplicadas entre 2010 e 2017, trataram de temas para os quais o Instituto tem informações.

Por isso, o IBGE disponibiliza dois materiais de estudo para o ENEM na seção voltada ao público jovem do canal "IBGEeduca", um deles com questões diversas e outro com propostas de redação. Eles podem ser utilizados pelos estudantes para explorarem determinados temas e testarem os seus conhecimentos.

Como o IBGE produz informações confiáveis e de referência sobre o território e a população do Brasil, é bastante comum que as provas do ENEM utilizem esses dados para testar o conhecimento dos alunos sobre seu país. Alguns dos temas tratados nas questões são: mediana, pirâmide etária, inflação, migração, biomas, fecundidade, indústria, emprego, acesso à internet, estatísticas de gênero, dados sobre cor ou raça e sobre pessoas com deficiência etc. São informações relevantes e atualizadas sobre o Brasil.

Esses dados são visualizados por meio de mapas, gráficos e tabelas que são importantes formatos para expor as informações. Ao final das questões, o estudante encontra o gabarito e indicações de "links" de "sites" do IBGE onde ele poderá se aprofundar mais nos temas abordados em cada questão.

A plataforma IBGEeduca jovens pode ser acessada através do endereço eletrônico: https://educa.ibge.gov.br/jovens/material-de-estudo/enem

Nessa mesma plataforma do IBGE, os estudantes podem ter acesso a inúmeros vídeos que explicam temas como: inflação, expectativa de vida, taxa de fecundidade, estatísticas de gênero, PIB etc, bastando acessar o endereço eletrônico: https://educa.ibge.gov.br/jovens/material-de-estudo/videos.html

 

redacao@cidadeverde.com