Cidadeverde.com

Alerta da OMS: Mais de 800 mil pessoas cometem suicídio no mundo

Em parceria com a Comissão de Tanatologia, do Conselho Regional de Psicologia – CRP21, estudantes, do curso de psicologia e da Liga Acadêmica Multiprofissional em Saúde da Família, do Centro de Ciências da Saúde – CCS da Universidade Estadual do Piauí – UESPI irão realizar uma atividade de conscientização em alusão ao Dia Mundial de Combate ao Suicídio. A ação ocorrerá dia 09 de setembro, no Parque Potycabana, zona Leste de Teresina, a partir das 18h. Na oportunidade os estudantes entregarão material preventivo e fitas amarelas que é símbolo da campanha.

Ana Rosa, professora Mestra do curso de psicologia, da UESPI, relata que o tem suicídio deve ser debatido pela sociedade, pois, acredita que a importância de esclarecer dúvidas que os cidadãos tenham sobre o assunto. Para a professora, a sociedade não discute com franqueza o tema, o que contribui para que pessoas que tenham os sintomas não consigam encontrar soluções ajuda para o problema. “Nossa proposta é estimular a discussão sobre essa temática tão delicada quanto o suicídio, e assim, contribuir para conscientização. Não podemos ignorar que por ano muitas pessoas morrem em decorrência de suicídio. Assim, é necessário que conversemos com as pessoas”, afirmou.

 

 

A Organização Mundial da Saúde (OMS) considera o suicídio um dos grandes problemas de saúde pública, que não recebe a devida atenção dos governantes, pois, não desenvolvem políticas públicas adequadas ao combate e prevenção para este problemas. Em estudo divulgado em 2014, a OMS, apontou que no mundo cerca de 804 mil pessoas cometem suicídio.

No Brasil, de 2000 até 2012, foram registrados 11.821, o país é um dos 28 que possuem políticas nacionais de prevenção e combate ao suicídio. Em 2006, foi aprovada a portaria nº 1876/2006 institui as Diretrizes Nacionais de Prevenção ao Suicídio, do Ministério da Saúde que determina a criação de ações para detecção, prevenção e combate de pessoas suscetíveis ao cometimento do suicídio.