Cidadeverde.com

Estudo diz que defecar de cócoras é melhor para a saúde

É o que dizem pesquisas científicas e que despertaram a atenção do blog VIDA. Por mais que o assunto seja evitado, fato é que todo mundo faz cocô. Até aí não há novidade nenhuma. A surpresa é que todos, ou ao menos a grande maioria, faz da maneira errada. Um estudo mostrou que a forma mais comum de se sentar na privada dificulta a expulsão das fezes.

 

O jeito certo

De acordo com pesquisas científicas, sentar-se ereto sobre o vaso sanitário dificulta a saída das fezes e aumenta a tensão no canal do reto. A solução para facilitar a evacuação seria agachar-se para fazer cocô. Mas como evacuar agachado não é exatamente a solução ideal para quem tem um banheiro moderno, a saída seria colocar um banquinho na frente do vaso e apoiar os pés nele na hora de fazer o "número 2".

 


Menos esforço para defecar

Um estudo, publicado no periódico Digestive Diseases and Science, avaliou como as posições sentada e agachada facilitam ou dificultam a defecação. Para isso, os pesquisadores avaliaram a ida ao banheiro de 28 participantes em três posições: agachado, sentado em um vaso de 40 cm e sentado em um vaso de 30 cm. Cada participante deveria registrar a duração de cada movimento intestinal e quão difícil foi fazer cocô em uma escala de 1 a 4.

Os resultados mostraram que, na posição agachada, a duração foi de, em média, 51 segundos. O tempo foi de 130 segundos para aqueles que se sentaram nas privadas de 30 cm e 40 m. Além disso, a experiência foi considerada mais fácil pelos participantes que se agacharam.


Menos tensão e hemorroidas 

Outro estudo, feito por pesquisadores japoneses e publicado no periódico Lower Urinary Tract Symptoms, mostrou que o ângulo entre o ânus e o reto aumenta de 100 para 160 graus quando se passa da posição sentada para agachada. Isso significa que a posição de cócoras facilita a evacuação e diminui a tensão do canal retal, causa comum de hemorroidas.


Fonte: Bolsa de Mulher
Edição: Marcelo Fontenele