Cidadeverde.com

Tomar banho depois de comer faz mal?

Quem nunca ouviu a mãe dizer que "tomar banho depois de comer pode fazer mal"? Pois é... Os especialistas dizem que as mamães podem estar corretas. Pois fazer mal ou não vai depender da temperatura da água. Banhos de chuveiro ou banheira em água fria podem provocar choque térmico e devem ser evitados. Se a água estiver morna ou quente, o banho provavelmente não irá fazer mal. Isso porque, após as refeições, há um aumento da concentração de sangue no aparelho digestivo por causa da digestão. Se a água do banho estiver fria, o corpo vai precisar aumentar o fluxo sanguíneo para a pele para manter a sua temperatura corporal constante.

Essa maior requisição de fluxo de sangue para a pele retira o sangue necessário para a digestão, fazendo com que não haja sangue suficiente para as duas necessidades: digestão e aumentar a temperatura da pele. Assim, o coração pode tornar-se incapaz de bombear o sangue numa velocidade suficiente para atender às demandas, e, como consequência, a pessoa pode até morrer de choque hipovolêmico, uma situação em que os órgãos vitais deixam de receber a quantidade mínima de sangue necessária para o seu funcionamento.

Esta seria uma consequência grave. Em alguns casos, a pessoa pode sentir apenas um ligeiro mal-estar, como uma indigestão que pode resultar em vômitos, com uma consequente melhora do desconforto. A mesma situação se aplica em banhos de piscina, rio ou mar, com o agravante de que nestes casos a pessoa entra na água e nada, ou seja, realiza uma atividade física. O exercício exige que o corpo aumente o fluxo de sangue para os músculos, deixando a digestão de lado. Para evitar complicações, recomenda-se que os banhos depois de comer sejam rápidos e tomados em água morna ou quente (não muito quente). Se for entrar na água, evitar refeições mais pesadas, com gorduras e proteínas, dando preferência a shakes e sucos de fruta.

 


Fonte: Médico Responde

Edição: Marcelo Fontenele