Cidadeverde.com

Estudos revelam que o fim de semana deveria ser mais longo

Tenho certeza que muita gente, assim como eu, adorou esta notícia. Mas a informação foi divulgada pelo site Minha Vida e revela dados de um relatório criado pelo Instituto de Saúde Ocupacional da Finlândia. Ele foi publicado no periódico científico "Sleep" e mostra que pessoas que trabalham menos de 40 horas semanais têm mais tempo de sono. Isso faz com que elas tenham maior facilidade para dormir e menos problemas de insônia, por causa de seu relaxamento.

Saúde corporal e mental

Um estudo realizado pelo Departamento de Epidemiologia e Saúde Pública, da Universidade College London, na Inglaterra, avaliou 600 mil pessoas. Eles descobriram que trabalhar 55 horas semanais aumenta em 33% o risco de infarto. Além disso, eles observaram um aumento de 13% no risco de desenvolver problemas cardíacos.

Melhor desempenho no trabalho

Pesquisadores da Universidade Harvard, nos Estados Unidos, fizeram um teste com alguns funcionários de uma empresa de consultoria em Boston, fazendo-os tirarem um dia de folga no meio da semana, durante cinco meses. Após esse período, os clientes averiguaram que tais funcionários apresentaram melhores desempenhos no trabalho em relação aos que fizeram as 50 horas semanais.

Bom-humor

Por mais que você já tenha até vivenciado isso na pele, cientistas da Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos, mostraram que pessoas muito cansadas e que dormem pouco têm maior tendência a arranjar brigas. Isso ocorre graças a uma dificuldade em entender as mensagens das outras pessoas da maneira correta, o que pode levar a raiva e decepção.